Água Preta – Prefeitura entrega kits de enxoval para grupo de gestantes

Água Preta – Prefeitura entrega kits de enxoval para grupo de gestantes

Saiba mais informações clicando no link

Exclusivo – Noé Magalhães detona Coutinhos e Armando Souto
Água Preta – Eduardo Coutinho e Tonhão realizam reunião político/administrativa com vereadores e secretários
Noé inicia campanha com grande buzinaço em Água Preta

A Prefeitura Municipal da Água Preta, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania e o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), com apoio do programa Criança Feliz, realizou na manhã desta sexta (30/08), mais uma entrega do “Kit de Enxoval”, um programa de incentivo entregando kit’s para mamães que cumpriram todo o pré-natal.

“O programa foi criado não só para entregar um kit e sim, incentivo para que cada vez mais as gestantes do nosso município sejam acompanhadas e possam realizar todos os exames que necessitam. Além das gestantes, esperamos que todas as famílias procurem os serviços de assistência social para que possam ser acompanhados, assim fortalecendo os vínculos familiares”, disse o Prefeito, Eduardo Coutinho, que complementou ainda que o projeto tem como objetivo contribuir com a diminuição dos índices de mortalidade materna, fetal e infantil, contemplando assistência integral e humanizada à gestante durante todo o ciclo da gravidez, incluindo pré-natal, parto e puerpério (período pós-parto), e o acompanhamento do bebê.

Os kits entregues oferecem itens essenciais para os primeiros meses do bebê. Eles contam com fraldas, banheira, roupinhas, luva, meias, manta, entre outros itens.

“Entendemos que o cuidado com as crianças começa já na gestação. A ideia é cuidar das famílias. Então, estamos juntos neste momento de acolhimento porque são essas crianças que vão fazer o futuro da Água Preta e a nossa gestão apresenta resultados para agora e para o futuro”, afirmou o vice-prefeito Tonhão.

Para ter direito ao benefício, as mães precisam inicialmente, procurar as Unidades Básicas de Saúde de seus respectivos bairros, como também se cadastrar diretamente no Balcão de atendimento, na Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania. As mães devem atender aos critérios de vulnerabilidade social, estarem sob acompanhamento da Unidade Básica de Saúde (UBS), ser detentora do cartão da gestante, comprovante de residência, RG e comprovante de no mínimo, seis consultas.

COMMENTS