BRIGA PELA PREFEITURA DE PALMARES PODERÁ SER A MAIS EMOCIONANTE DE TODA A MATA SUL

Conhecido como a “Terra dos Poetas” e a “Capital da Mata Sul”, o município de Palmares, que sempre foi palco de eleições municipais disputadíssima

Pacto pela Vida completa dez anos com recorde de assassinatos
São José da Coroa Grande – Mendonça Filho garante apoio a candidatura contra o ex-prefeito Barbosa
Mata Sul – Prefeitos tomam posse como presidentes das Juntas de Serviço Militar
Sem título

Altair Jr. (PMDB), Enoelino Magalhães (DEM), João Bezerra (PSB), Zé Otávio (PHS) e Beto da Usina (PDT)

Conhecido como a “Terra dos Poetas” e a “Capital da Mata Sul”, o município de Palmares, que sempre foi palco de eleições municipais disputadíssimas, poderá em 2016 fazer jus a sua tradição.

Considerada um importante polo econômico da região e com uma população estimada em mais de 62 mil habitantes, Palmares sempre tem atraído os olhares dos mais variados grupos políticos, principalmente agora, que veem na crescente rejeição do atual prefeito João Bezerra (PSB) uma oportunidade de conquistar o poder.

Filho do ex-candidato a prefeito Altair Bezerra (1996), o empresário Altar Júnior (PMDB) é um dos que buscam junto ao eleitorado viabilizar a candidatura.  Outro que colocou o nome na rua é o também empresário Zé Otávio (PHS) que disputou o executivo municipal em 2012 e alcançou a terceira posição com pouco mais de 10% dos votos.

Contando que a divisão da oposição possa lhe favorecer, o atual prefeito João Bezerra (PSB) tem pela frente o desafio de reverter o alto índice de rejeição, além de recompor o seu grupo político, hoje avariado pelo rompimento político com o grupo do ex-prefeito Enoelino Magalhães, que em 2012 indicou o nome de Drª Carol como vice e que poderá ser candidato. Uma das opções que João Bezerra tem para substituir a atual vice é o nome do presidente da Câmara Municipal, Luciano Júnior (PV). Com a grave crise que tem tomado conta dos municípios brasileiros é bem provável que a administração atual tenha sérias dificuldades para se restabelecer, o que complicará ainda mais os planos de João Bezerra de se manter a frente do executivo municipal.

Correndo por fora estão os nomes dos ex-prefeitos Beto da Usina (PDT) e Enoelino Magalhães (DEM). Beto foi prefeito durante o período de 2009 a 2012 e deixou o executivo depois de perder a disputa para João Bezerra, na época o seu vice-prefeito. Pelo que se tem notícia na cidade, caso possa ser candidato, Beto da Usina é um nome muito forte e competitivo.

Já Enoelino Magalhães, que governou o município no período de 2004 a 2008, tem grandes chances de disputar novamente a prefeitura, prova disto é a sua recente movimentação no sentido de ocupar novamente a presidência do DEM (antigo PFL) no município, partido o qual disputou a prefeitura nas eleições de 2000, 2004 e 2008. Membro de uma das famílias políticas mais tradicionais da região, Enoelino é considerado um forte candidato, inclusive há informações que recentes levantamentos o anima a entrar na disputa.

12047361_919279941461319_896312440_n

Professor Rodrigues (PSOL)

Com forte apoio de alguns comerciantes locais e de intelectuais da cidade, o professor universitário Rodrigues (PSOL) é outro que também poderá disputar a prefeitura de Palmares.

Pelo jeito a disputa pelo Palácio Luís Portela de Carvalho, sede do Poder Executivo Municipal de Palmares, caminha para ser uma das mais emocionantes da Mata Sul.

Escrito por Wellington Ribeiro

COMMENTS