Confusão envolvendo o Consórcio Portal Mata Sul tem novo capítulo

Saiba mais informações clicando no link

Camila Machado atinge marca de 1 milhão de impressões no Instagram
Sirinhaém – Prefeito Franz Hacker inaugura mais uma obra e anuncia aquisição de veículos
SIRINHAÉM – Camila Machado encerra primeiro mês com muitos resultados


A ação na justiça impetrada pelos municípios de Tamandaré, Barreiros e Sirinhaém, que resultou em uma liminar de um juiz de 1ª instância, Dr. Raphael Calixto, que decidiu pela anulação da eleição para o Consórcio Portal Sul e que afastou os membros da Diretoria Executiva, foi suspensa pelo desembargador Itamar Pereira da Silva Júnior, da 4ª Câmara de Direito Público. Enquanto o mérito não é julgado, a atual Diretoria Executiva segue a frente do Consórcio.

O imbróglio envolvendo o Consórcio Portal Sul é decorrente da disputa que de um lado tem os prefeitos Carrapicho (Tamandaré), Camila Machado (Sirinhaém) e Carlinhos da Pedreira (Barreiros), que questionam a mudança no Estatuto da instituição e da eleição da nova Diretoria Executiva; e do outro os prefeitos Isabel Hacker (Rio Formoso), Pel Lages (São José da Coroa Grande) e Dr. Leandro (Gameleira). Ao que parece essa disputa ainda irá render muito nos tribunais. Com a decisão do desembargador a prefeita de Rio Formoso segue presidente do Consórcio.

Confira decisão clicando no link abaixo:

decisão -0002522-83.2021.8.17.9000

SOBRE – O Consórcio Intermunicipal Portal da Mata Sul, denominado PORTAL SUL CONSÓRCIO, é uma associação pública e com natureza autárquica, formada pelos municípios de Barreiros, Rio Formoso, São José da Coroa Grande, Sirinhaém, Tamandaré e Gameleira, situados na Zona da Mata Sul de Pernambuco.
Ele foi fundado em junho de 2013, a partir da necessidade da destinação integrada dos resíduos sólidos urbanos, o Consórcio é responsável pela gestão do aterro sanitário e serviços de saúde, entre outros.

COMMENTS