Delegada Gleide Ângelo reforça rede de proteção à mulher palmarense

Saiba mais informações clicando no link

Delegada Gleide Ângelo e Prefeita Adriana Paes (PSD) firmam compromissos pelas mulheres em Glória do Goitá
A CNH Popular chega para mulheres de baixa renda vitimas de violência doméstica
Delegada Gleide Ângelo visita Cabo de Santo Agostinho e Nazaré da Mata e ressalta fortalecimento do enfrentamento à violência doméstica


A Delegada Gleide Ângelo esteve na cidade de Palmares, na mata sul, nesta quinta-feira (13). A parlamentar foi fazer a entrega do sétimo, de um total de 20 carros, que foram obtidos por meio de suas emendas parlamentares e vão reforçar a estrutura física das secretarias e coordenadorias da mulher em municípios de todas as regiões pernambucanas. A ação foi acompanhada pela secretária da Mulher do Estado, Ana Elisa Sobreira, cuja pasta foi responsável pela execução do projeto, e também estavam presentes o prefeito de Palmares, Júnior de Beto, e a secretária Municipal da Mulher, Milena Melo.

É impensável que um órgão com um desempenho tão importante na rede de amparo e proteção às mulheres, como a secretaria da mulher palmarense, não dispusesse de um veículo  próprio para o transporte das assistidas. Como a rede pode funcionar com eficiência diante de tamanha defasagem?”, ponderou a parlamentar, lembrando que o veículo vai ser de uso exclusivo da Secretaria Municipal para que sua equipe profissional possa transportar com celeridade as mulheres em atendimento até os demais órgãos que integram a rede de amparo e proteção, como a defensoria pública, o CREAS, o CRAS, o judiciário, além da futura Delegacia de Proteção à Mulher – cuja implantação no município se deu após contínuo trabalho da Delegada.

A deputada também foi até o antigo prédio da Secretaria da Fazenda no município, que estava em desuso há anos e agora vai abrigar a nova unidade policial. Foi firmado um termo de cooperação entre a gestão municipal e a Secretaria de Defesa Social do Estado para o custeio das obras de ajustes necessárias para a instalação da especializada. Na última semana, a vistoria de uma equipe técnica constatou o bom estado do prédio, sendo necessário apenas ajustes das redes elétrica e hidráulica.

É preciso trabalhar para o funcionamento eficiente da rede de proteção às mulheres. Temos como base critérios objetivos e as estatísticas não mentem e nos mostram as regiões que necessitam de maior investimento”, ponderou. De acordo com dados constantes no site da Secretaria de Defesa Social, a cidade de Palmares, que detém uma população com cerca de 63.700 moradores (IBGE), apresenta a alarmante média de uma mulher agredida e vítima de violência doméstica, familiar ou sexual a cada dois dias.

COMMENTS