Deputada Roberta Arraes e Irmãs Medianeiras celebram mais um avanço da saúde do sertão: a chegada dos equipamentos de Hemodinâmica

Sempre na luta pela interiorização dos serviços de saúde, a deputada Roberta Arraes comemorou com as Irmãs Medianerias Da Paz, Fátima e Luiza, a c

Roberta Arraes Araripina

Sempre na luta pela interiorização dos serviços de saúde, a deputada Roberta Arraes comemorou com as Irmãs Medianerias Da Paz, Fátima e Luiza, a chegada dos equipamentos de Hemodinâmica no Hospital Santa Maria, em Araripina. Será um importante equipamento para tratar pacientes com problemas cardíacos de toda a 4 macrorregião.

O equipamento que foi adquirido pelo IMESPE, contempla ainda mais a luta e defesa da deputada Roberta Arraes pela interiorização dos serviços de saúde, cuidando das pessoas em seu domicílio.
Muitos já foram as conquistas e avanços proporcionados pela parlamentar na saúde, como a conquista de leitos de UTI geral, UTI Neonatal, Pediátricos, hemodiálise, além de tantos outros, e agora chega a hemodinâmica, para cuidar dos pacientes com doenças cardíacas.

Nos últimos meses, Roberta Arraes observou que o índice de pessoas com problemas cardíacos teve um aumento significativamente na região, atingindo também uma camada da população que são os pacientes jovens. Sabendo da aquisição do equipamento pelo IMESPE, prontamente enviou a indicação de n° 011511/2022, solicitando ao Governo do Estado, a celeridade da contratualização dos serviços da hemodinâmica do Hospital e Maternidade Santa Maria para melhor atender os pacientes acometidos.

O equipamento chegou a região e de acordo com a deputada, agora é aguardar a instalação que estará pronta nesses próximos dias e em breve realizando os procedimentos aos pacientes beneficiários do SUS, sabendo que existe atualmente uma grande demanda do serviços nas localidades do sertão.

“Não tenho dúvida que é mais uma grande conquista para nossa região, o prosseguimento com o atendimento em hemodinâmica no Hospital irá proporcionar melhor assistência aos pacientes que necessitam dos procedimentos”, afirmou Roberta Arraes.

Atualmente, os pacientes que necessitam do atendimento pelo SUS só tem acesso em centros distantes da região, a exemplo de Petrolina (285km), Caruaru (550km) e Recife (680km), o que demanda a lotação de outros hospitais, o que muitas vezes contribui para o agravamento no estado de saúde ou até mesmo ocasionando a morte do paciente.

“Meu trabalho sempre é voltado para a garantia de melhor atender ao paciente em sua localidade, por isso sigo em uma luta incansável pela interiorização dos serviços de saúde e assim garantir mais qualidade de vida para a população de nossa região”, finalizou a parlamentar.

Por fim, a deputada mencionou que a luta por investimentos da saúde continuam, assim como a chegada do Hospital de Câncer do Sertão, que beneficiará a população sertaneja que precisa de tal tratamento.

COMMENTS