Deputado pede que cristãos não votem em Paulo Câmara

Deputado pede que cristãos não votem em Paulo Câmara

Nesta quarta-feira, dia 1º, Em reunião que marcou a volta do recesso parlamentar nesta, deputados estaduais levantaram o debate acerca dos episódi

Sivaldo Albino visita a ALEPE
Pastor Cleiton Collins pedirá liberação de gestantes do trabalho no período do coronavírus
Transporte Público da Região Metropolitana do Recife na mira da Assembleia Legislativa

Joel da Harpa faz parte da bancada evangélica na ALEPE

Nesta quarta-feira, dia 1º, Em reunião que marcou a volta do recesso parlamentar nesta, deputados estaduais levantaram o debate acerca dos episódios que aconteceram no 28º Festival de Inverno de Garanhuns.

Na bancada evangélica, os deputados Adalto Santos (PSB), André Ferreira (PSC) e Joel da Harpa (PP) teceram duras críticas ao cantor Johnny Hooker, artista que chamou Jesus de bicha e travesti, além de ter proferido ofensas contra o público presente. 

“Se Paulo Câmara pagar o cachê, o voto dos cristãos ele não deve ter”, esbravejou o deputado estadual Joel da Harpa contra o pagamento do show do cantor.

Já o deputado estadual André Ferreira, aproveitou a oportunidade para responsabilizar o governador Paulo Câmara pelo ocorrido ao ter permitido que a Secretaria Estadual de Cultura contratasse a peça “O evangelho segundo Jesus, a rainha dos céus”. Segundo André, todo o problema foi iniciado por conta da peça polêmica.  “O governador erra por omissão!”, apontou o deputado Ferreira.

Na ALEPE há uma movimentação de deputados para pressionar o governador a não autorizaro pagamento do cachê de R$ 35 mil reais ao artista.

Escrito por Wellington Ribeiro

COMMENTS