Educação de Barreiros avança no Sistema de Avaliação Educacional de Pernambuco (SAEPE)

Educação de Barreiros avança no Sistema de Avaliação Educacional de Pernambuco (SAEPE)

Índices da rede pública municipal de ensino em Barreiros melhoraram significativamente em relação à gestão anterior

Armando visita cidades da Mata Sul e se prontifica em colaborar com reconstrução
Barreiros – Postos de Saúde da Família realizam atendimento no período noturno
BARREIROS – Prefeito Elimário Farias entrega mais uma grande obra

Prefeito Elimário Farias em companhia do vice-prefeito Thomaz Baleia e da secretária de Educação Wylliane Gomes

A Educação na rede pública municipal de ensino em Barreiros segue avançando. Os investimentos realizados pela atual gestão elevou os índices em 2018 no Sistema de Avaliação Educacional de Pernambuco (SAEPE), em comparação aos anos de 2016 e 2017. O sistema analisa a proficiência (índice de conhecimento) dos estudantes nas disciplinas de língua portuguesa e matemática.

Em 2016, o município aparecia com uma média de 525 em língua portuguesa, para alunos do segundo ano do ensino fundamental. Em 2018 o número subiu para 582,7, um crescimento de 11%. Já em matemática, o índice subiu de 509,3 para 558,7.

No quinto ano também houve avanços em relação a 2016. Em língua portuguesa o nível subiu de 168,2 para 182,1. Em matemática a média subiu de 172 para 187,2.

Wylliane Gomes, secretária municipal de Educação de Barreiros

“A preocupação com a educação e com os educandos tem sido uma prioridade na gestão do prefeito Elimário Farias e Thomaz Baleia.Temos adotado métodos de avaliação unificada, apoiando os professores para o desenvolvimento educacional como um todo”, destacou Wylliane Gomes, secretaria municipal de Educação.

A avaliação do SAEPE também apontou crescimento nos índices de proficiência do nono ano. Em 2016 o município aparecia com uma média de 213,5 em Língua Portuguesa, já em 2018 o estudo registrou 228,2. Em
Matemática os números foram de 215,4 para 223,5 pontos.

“Com valorização dos profissionais e cumprindo um calendários de atividades rigoroso, adotamos os conteúdos programáticos de forma que temos uma rede enxuta e que traduz o que o aluno precisa dentro das unidades. Abrimos os setores de matrícula e fluxo escolar a fim de estreitar as secretarias escolares com a secretaria de educação, acompanhando de perto a evasão e tentando corrigir para que os alunos estejam nas escolas. Estamos colhendo frutos de uma gestão que tem compromisso e principalmente responsabilidade com nossa população”, registou a secretária.

COMMENTS