Felipe Carreras usa a tribuna para defender a manutenção do frevo como patrimônio cultural

Saiba mais informações clicando no link

Deputado Augusto Coutinho (Solidariedade) integra comissão externa que irá investigar tragédia de Brumadinho (MG) na Câmara
Emendas de Danilo Cabral à LDO buscam evitar cortes no orçamento da educação e assistência social em 2021
Eduardo da Fonte assume titularidade em duas importantes comissões da Câmara Federal


Uma das maiores manifestações culturais de Pernambuco e do Brasil, o frevo vai passar por um processo de revalidação e pode perder o título de “patrimônio cultural do Brasil”. De acordo com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), esse procedimento é feito a cada dez anos. O frevo foi registrado como Patrimônio Cultural em 2007 e, portanto, deveria ter passado pelo processo de análise de revalidação em 2017.

O presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Cultura e do Entretenimento, o Deputado Felipe Carreras (PSB) usou a tribuna da Câmara nesta terça-feira (25) para convocar os amantes do frevo. Segundo o deputado, as pessoas têm até o dia 13 de junho deste ano para enviarem um e-mail para o Iphan se manifestando a favor da manutenção do frevo como patrimônio cultural. “Convoco todo o povo pernambucano e todos aqueles apaixonados pela cultura para que possam, através da internet, manifestarem o seu desejo de que o frevo continue sendo patrimônio da nossa cultura. O frevo é do povo. Não será Governo nenhum que vai tirar esse patrimônio das nossas raízes”, disse Carreras.

O parlamentar ainda afirmou que vai enviar um ofício ao Iphan e ao Secretário de Cultura, Mário Frias, para consolidar esse posicionamento feito na tribuna da Câmara dos Deputados.

COMMENTS