Júlio Cavalcanti deixa PTB, mas não a política

Júlio Cavalcanti deixa PTB, mas não a política

Ex-deputado estadual por dois mandatos pelo PTB, Júlio Cavalcanti formalizou o seu pedido de desfiliação ao partido em carta encaminhada a José

Izaías Régis se filia ao PSDB em evento que reúne lideranças de toda a região
Vice-prefeito de Paulista se afasta da Frente Popular e declara apoio a Armando e Mendonça
Armando: Anderson Ferreira assume o protagonismo como gestor público


Ex-deputado estadual por dois mandatos pelo PTB, Júlio Cavalcanti formalizou o seu pedido de desfiliação ao partido em carta encaminhada a José Humberto Cavalcanti, presidente estadual da sigla.

Apesar de se desligar do PTB, Júlio Cavalcanti  não deixará de fazer política. Uma das missões que ele tem pela frente é a de ajudar na eleição do seu irmão, o ex-deputado federal Zeca Cavalcanti, à prefeitura de Arcoverde, no sertão do Moxotó.

Com a saída de mais uma liderança, o PTB, que tem como referência maior o ex-senador Armando Monteiro, segue amargando um processo significativo de desidratação. Recentemente quem também anunciou a saída do partido foram os ex-prefeitos de Belo Jardim, Cintra Galvão e Cecílio Galvão. Outra liderança que está de malas prontas para sair do PTB é o prefeito de Maraial, Marquinhos Moura.

Confira carta de Júlio Cavalcanti:

COMMENTS