Não cobrar a conta de quem tem tarifa social é dar dignidade as famílias mais carentes, diz Eduardo da Fonte

Saiba mais informações clicando no link

Fernando Monteiro se despede de 2019 contabilizando avanços na Câmara
Movimento pode levar Davi Muniz à assumir vaga na Câmara Federal
Danilo Cabral irá à justiça para assegurar acesso a estudos da Reforma da Previdência


O deputado federal Eduardo da Fonte (PP), conhecido pelo seu trabalho na defesa do consumidor de energia elétrica, comemorou a decisão do governo federal de não cobrar a conta de energia para as famílias inscritas no programa de Tarifa Social de Energia Elétrica.

“Esta é uma medida muito importante tomada pelo governo federal. Vai aliviar o orçamento das famílias mais carentes e garantir o acesso ao direito de ter energia elétrica, um serviço essencial e ainda mais importante neste momento tão difícil. Certamente as famílias vão passar por essa crise com mais dignidade. Uma ajuda muito bem-vinda para as famílias pernambucanas e de todo o Brasil”, afirmou Eduardo da Fonte.

A decisão foi anunciada na noite desta quarta-feira (8) pelo presidente da República. A isenção da tarifa vale por 3 meses e serve para as famílias inscritas no programa de tarifa social com contas de até R$ 150. A expectativa do governo é que 9 milhões de famílias sejam beneficiadas.

COMMENTS