“Nunca procurei esse rapaz”, diz Clodoaldo sobre Eduardo da Fonte

Saiba mais informações clicando no link

Conquistas no setor educacional são ressaltadas por Anderson Ferreira durante ato em Cavaleiro
Jaboatão lança aplicativo para consulta e emissão de dados imobiliários
Prefeito Anderson Ferreira anuncia Refis com descontos de até 90% nos juros e multas

Kerol Correia/Alepe

Do Blog Cenário

Durante entrevista à Rádio Jornal Caruaru, na manhã desta quinta-feira (06), o deputado estadual Clodoaldo Magalhães comentou sobre a celeuma que tem vivido dentro do PSB nos últimos dias. Ele afirma que só vai tomar alguma decisão sobre uma nova sigla, quando a direção do seu partido resolver se vai ou não lhe expulsar. Perguntado sobre o posicionamento do deputado federal e presidente estadual do PP, Eduardo da Fonte, que negou a legenda para Clodoaldo, o primeiro secretário da Alepe retrucou: “nunca procurei esse rapaz”.

“Nunca fui convidado por ele, nunca procurei ele, não tenho relação com ele”, disse o deputado, que ainda complementou, acusando Dudu da Fonte de querer fazer média. “Nunca mandei interlocutores, não temos relação política, nunca pedi o partido PP para poder militar em município nenhum, então, ele tá querendo fazer média com alguém aí”, criticou.

Sobre a afirmação de que o PL estaria de portas abertas para receber Clodoaldo, dada por Anderson Ferreira no almoço de confraternização com a imprensa, na última semana de Dezembro, o parlamentar disse que só conversou com o prefeito do Jaboatão no dia seguinte do convite públic.

“Anderson Ferreira, nunca tinha me convidado, quando declarou aquilo à imprensa. No dia seguinte foi que ele me ligou e eu disse para ele: ‘rapaz, você me pegou de surpresa com esse convite público’, e eu disse para ele a mesma coisa, como eu venho conversando com partidos do meu campo, que é preciso primeiro encerrar essa novela do PSB”, disse o parlamentar.

Ele também falou sobre o convite feito pela prefeita Raquel Lyra, para integrar o PSDB, relembrando a situação bem semelhante a dele, enfrentada pela ex-socialista dentro do PSB.

“Raquel me convidou sim, mas eu disse a ela que estou primeiro esperando, aguardando a decisão do meu partido. Acho que essa construção que eu venho fazendo no PSB só vai ser interrompida se o PSB não tiver interesse nesse projeto. A minha relação com Raquel é muito fraterna. Quando ela passou por uma questão com o PSB, eu fiz um aparte na tribuna da Assembleia, me solidarizei com ela, que aquilo não tinha sido uma decisão correta do partido, era um equívoco. E tenho uma relação, tenho admiração pelo trabalho da prefeita, que é uma pessoa que vem caminhando Pernambuco, mas que ainda não declarou oficialmente o que vai fazer, porque ela tem compromisso aí, com Caruaru”, pontuou.

PROGRESSITAS RESPONDEM:

PP responde a Clodoaldo e reafirma solidariedade ao PSB

COMMENTS