Pastor Cleiton Collins participa de posse da vereadora Michele Collins no Recife

A vereadora tomou posse no dia 3 de janeiro, dois dias após os demais, por motivos de saúde.

“Essa reforma vai condenar nossa população a nunca se aposentar”, destaca João da Costa
Comissão de Direitos Humanos reúne entidades e sociedade civil para debater sobre população em situação de Rua no Recife
Gestão Geraldo Júlio aumentou gastos com comissionados em R$ 24,4 milhões por ano, denúncia vereador Jayme Asfora

A vereadora tomou posse no dia 3 de janeiro, dois dias após os demais, por motivos de saúde.

O deputado estadual Pastor Cleiton Collins (PP) prestigiou a renovação de posse da vereadora do Recife, Missionária Michele Collins (PP) no último domingo (3) na Câmara Municipal do Recife.

Michele foi a única que não pode comparecer a posse coletiva do dia 1º de janeiro, devido a um problema de saúde, mas já está recuperada e tomou foi empossada no domingo (3).

“É como muito prazer e satisfação que prestigiei mais esse momento importante na vida da Michele. Ela que luta todos os dias pelas famílias e para recuperar vidas que estavam sendo destruída pelas drogas”, disse o deputado.

O parlamentar também lembrou a ações de Michele em seu primeiro mandato na Casa José Mariano e reafirmou o compromisso com o povo.

“Michele foi a vereadora mais atuante do Recife. Foi líder em projetos de lei com 169 apresentados e líder em PLs aprovados com 24. Provou que é competente e que sabe trabalhar. Hoje eu a prestigio e consagrado seu mandato para honra do Senhor Jesus”, avaliou Collins.

Live

Em formato diferente dos demais anos, o Projeto Recuperando Vidas com Jesus, completou 18 anos de evangelização, fé e adoração.

O Pastor Cleiton Collins agradeceu pela presença virtual de milhares de pessoas que participaram da live e proclamaram o nome de Jesus mais uma vez.

O evento contou com a presença de Samuel Mariano, Lucas Roque e Gabriel, Pastor Cleiton Collins, Lohaine Collins e muitos outros.

A transmissão aconteceu direto do Monte dos Guararapes, mas diferente dos anos anteriores, foi apenas virtual, para evitar aglomeração e a propagação do novo coronavírus.

COMMENTS