PDT INVESTIRÁ NAS ELEIÇÕES DE BARREIROS E SÃO JOSÉ DA COROA GRANDE

No início desta semana a prefeita do município de São José da Coroa Grande, Elianai Baleia, ao lado do seu esposo, João Baleia, se reuniram com o

Aumento nos níveis dos rios Una e Carimã põem população de Barreiros em alerta
Coluna Radar Político desta terça-feira (23) – Clima entre PTB e PSB esquenta
Em reunião com Eriberto Medeiros, Carlinhos da Pedreira defende pavimentação da estrada para a praia do Porto de Nassau

11406604_814296082011152_1613479406292229945_o

No início desta semana a prefeita do município de São José da Coroa Grande, Elianai Baleia, ao lado do seu esposo, João Baleia, se reuniram com o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi e com o presidente estadual da sigla, Woney Queiroz, para tratarem de questões referentes as eleições de 2016 nos municípios de Barreiros e São José da Coroa Grande.

Na ocasião, o presidente nacional do PDT garantiu apoio irrestrito do partido ao projeto político, já o deputado federal Woney Queiroz informou que o partido irá trabalhar para ampliar o número de prefeituras administradas pela sigla nas próximas eleições e que a conquista de mais prefeituras na Zona da Mata Sul está nos planos do partido.

Essa não é a primeira vez na região que um mesmo grupo político tenta conquistar mais de uma prefeitura. Nas eleições de 2000, a família Hacker conseguiu tal feito elegendo seu Hacker para a prefeitura de Sirinhaém e Graça Hacker para a prefeitura de Rio Formoso, já na eleição de 2004 a família Hacker expandiu a sua área de atuação e lançou candidato a prefeitura de Tamandaré (Hildo Hacker) que ficou em segundo lugar no pleito, conseguiu reeleger Graça Hacker em Rio Formoso, elegeu um aliado em Sirinhaém (Fernando Urquisa, hoje adversário político) e ainda tentou emplacar Franz Hacker como candidato a prefeito de Barreiros que acabou desistindo da candidatura e terminou como vice-prefeito de Toinho, que devido a problemas com a justiça teve o mandato cassado em menos de dois anos.

No ano de 2008, a família Hacker elegeu Franz como vice-prefeito de Fernando Urquisa em Sirinhaém, conseguiu fazer o sucessor de Graça Hacker em Rio Formoso e elegeu Hildo Hacker em Tamandaré. Já na eleição de 2012, os Hacker reelegeram os prefeitos de Sirinhaém e Tamandaré e ainda emplacaram o vice-prefeito de Rio Formoso.

Talvez muitos questionem que a conquista de várias prefeituras pela família Hacker só foi possível devido a força política do grupo, evidente que é inquestionável tal força, no entanto vale ressaltar que a conquista de tais municípios se deu principalmente ao planejamento e a construção das condições necessárias para a realização de tais feitos.

Nas condições de hoje seria possível um mesmo grupo político deter o poder das prefeituras de São José da Coroa Grande e Barreiros? Essa é uma pergunta que só o tempo irá responder, pois aonde muitos veem dificuldade, alguns enxergam uma possibilidade. O exemplo mais próximo que podemos citar de alguém que tentou tal feito foi o do grupo político liderado pelo ex-prefeito de São José, Barbosa que na última eleição tentou emplacar o filho, Emerson Barbosa, em Barreiros e não obteve êxito.

O que temos ouvido é que o mundo das possibilidades está com as portas abertas para tais tentativas e que a movimentação que João Baleia tem realizado nos últimos meses apontam para tal ousadia, e ousadia é uma palavra que tem andado lado a lado de João ao longo de sua história política.

11412059_814358388671588_1925863184221538655_o

Eleito vereador por Barreiros no ano de 1988, João Baleia foi na ocasião o vereador mais votado do pleito e devido a sua habilidade política logo alcançou a presidência da Câmara, onde presidiu pelos anos de 88 e 90.

Em um ato de ousadia, João se lançou candidato a prefeito nas eleições de 1992 e ficou em segundo lugar com uma votação de 4.822 votos, perdendo a eleição naquela ocasião para Inaldo Ferreira. Começou então ali a construção do seu projeto político majoritário rumo a conquista da prefeitura de Barreiros. No ano de 1996, João disputa novamente a prefeitura, desta vez contra Dr. Cleto e se elege com 9.566 votos, cerca de 56% dos votos válidos. No ano de 2000, João enfrenta uma reeleição tranquila contra Inaldo Ferreira, do qual havia perdido em 92 e lhe impõe uma derrota esmagadora alcançando exatamente o dobro da votação do adversário. Já no ano de 2004, João ensaia uma candidatura no município de São José da Coroa Grande, onde na ocasião contava com o apoio de 8 dos 9 vereadores mas não leva adiante o projeto.

11406364_814358675338226_3540117253928559212_o

Com os pensamentos voltados novamente para Barreiros, no ano de 2008 o ex-prefeito trava uma das mais disputadas eleições já realizadas no município. Segundo relatos da época, mesmo sabendo que tinha um percentual pequeno de intenções de votos faltando poucos meses para a eleição e vendo o favoritismo do adversário, João Baleia partiu para a ofensiva e de dispôs a enfrentar uma eleição duríssima que por pouco mais de 1 mil votos não lhe renderam a vitória.

Já no ano de 2012, percebendo uma oportunidade de alcançar a prefeitura de São José da Coroa Grande, João transfere o título para a cidade e se lança candidato contra o grupo político liderado pelo então prefeito Barbosa em uma eleição que acabou tendo a sua esposa assumido o posto já no final do processo, o que lhe garantiu vencer as eleições com mais de 63% dos votos válidos.

Agora que se aproxima as eleições de 2016, João transfere o título novamente para a cidade de Barreiros com vista as próximas eleições municipais, mas ou contrário do que dizem, nenhum outro familiar transferiu o título, sinalizando que ele não pretende repetir o que aconteceu em São José no último pleito quando foi substituído pela esposa. Não posso garantir que ele será candidato a prefeito, mas segundo uma fonte muito próxima da família, João no mínimo participará ativamente da política no município lançando uma candidatura de oposição a gestão atual.

Escrito por Wellington Ribeiro

COMMENTS