Pernambuco garante que o Avante atinja a cláusula de barreira

Saiba mais informações clicando no link

Sebastião Oliveira Avante Luís Tibé

Com sete deputados federais eleitos, em outubro, o Avante foi um dos 13 partidos que conseguiram atingir a cláusula de barreira. Dezessete não tiveram o mesmo desempenho. Por seis votos contra um, os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), dentre eles, o presidente Alexandre de Moraes, legitimaram a vitória da sigla nas urnas. A decisão favorável garante o direito ao fundo partidário e ao horário eleitoral, dentre outras coisas.

“Pernambuco exerceu um papel fundamental no sucesso do nosso maior objetivo. Graças à votação no estado, conseguimos vencer o desafio de atingir a cláusula de barreira. É preciso enaltecer esse trabalho que conta com o irrestrito aval do partido”, ressaltou o presidente nacional do Avante, Luis Tibé, referindo-se aos 225.100 votos dados pelos pernambucanos, dos quais 141.386 foram conquistados por Waldemar Oliveira, que fará sua estreia na Câmara dos Deputados.

“Estamos antenados com as reais demandas do povo brasileiro e trabalharemos para colaborar com o presidente Lula na construção de um país que ofereça mais oportunidades e combata a fome e a desigualdade social. O time Avante é vencedor e é um dos que mais crescem no Brasil”, comemora Sebastião Oliveira, líder do partido na Câmara dos Deputados.

COMMENTS