Prefeito de Sertânia se reúne com reitor da UFPE

Ângelo Ferreira discutiu o convênio NEMIP e outros assuntos como Revitalização do Rio Moxotó, Inovação, Pesquisa Covid-19, Regularização Fundiária, Energia Solar, Tele Saúde, Moradia Legal.

Coluna Radar Político (13/06) – Deputado cobra retomada das obras de 700 casas no município de Maraial
Prefeito Ângelo Ferreira articula com deputado estadual Diogo Moraes construção de distrito industrial em Sertânia
Adesivaço contagia os apoiadores de Ângelo Ferreira em Sertânia

Ângelo Ferreira discutiu o convênio NEMIP e outros assuntos como Revitalização do Rio Moxotó, Inovação, Pesquisa Covid-19, Regularização Fundiária, Energia Solar, Tele Saúde, Moradia Legal.

O prefeito de Sertânia, Ângelo Ferreira, se reuniu nesta semana com o reitor da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Alfredo Gomes, para tratar sobre o Núcleo de Extensão das Regiões do Moxotó, Ipanema e Pajeú (NEMIP), onde o município será o polo representante dessas localidades. Serão ofertados cursos a partir deste primeiro semestre de 2021 na Escola Municipal Presidente Vargas, na sede do município. Além disso, também foram tratados outros assuntos como a Revitalização do Rio Moxotó, Inovação, Pesquisa Covid-19, Regularização Fundiária, Energia Solar, Tele Saúde e Moradia Legal.

A reunião foi realizada no gabinete do reitor, na sede da UFPE. “Estivemos aqui na Universidade Federal de Pernambuco, uma visita importante para o município de Sertânia. Fomos recebidos pelo reitor e pró-reitor de Extensão e trocamos ideias no sentido de finalizar a parte formal de um convênio com a UFPE para a implantação do NEMIP, que começará com cursos que irão servir para diversos profissionais da área de educação. Isso é um ganho inestimável para o nosso município e toda região, além de tratar de outras parcerias que virão a partir disso”, contou o prefeito.

Além do reitor também participaram o pró-reitor de Extensão, Oussama Noau, o assessor do reitor, Breno Caldas, o professor Paulo Fernandes e o bibliotecário especialista da UFPE, Elilson Góis, que tem ajudado nesse processo. “Foi um grande prazer receber o prefeito de Sertânia na universidade, demos continuidade às tratativas para implantação do núcleo de extensão na região, onde Sertânia será a sede, analisamos outras dimensões do projeto e vamos dar segmento a esse processo, esperamos que ainda esse mês estejamos com a proposta de convênio devidamente preenchida e os planos de trabalhos também finalizados, para que façamos a assinatura muito em breve”, disse o reitor da UFPE, Alfredo Gomes.

Durante a reunião foi discutida a possibilidade de envolver, através dessa iniciativa, a questão da regularização fundiária dentro do Programa Moradia Legal que a UFPE participa. O reitor contou que seria muito bom contar com a participação de Sertânia. “Discutimos projetos relativos à questão dos resíduos sólidos, que é uma necessidade dos municípios e a cidade de Sertânia vem pautando isso de forma muito correta e adequada. Também abordamos outras iniciativas evolvendo a possibilidade de projetos com empresas juniores. Desejamos ampliar a parceria para além da oferta de cursos, para que possamos futuramente desenvolver de forma conjunta na região”, pontuou o reitor.

Sobre o NEMIP, serão ofertados seis cursos a partir do primeiro semestre de 2021: ‘Cartografia Social Hidroterritorial’; ‘História e Cultura do Sertão’; ‘Metodologia para Elaboração de Projetos para Professores’; ‘Gestão de Bacias Hidrográficas e Sustentabilidade’; ‘Metodologia do Trabalho Científico’ e mais um curso relacionado a projeto de seleção de pós-graduação.

COMMENTS