Prefeito João Campos vistoria serviço de limpeza de canais

Prefeito João Campos acompanhou a limpeza do Canal do Jordão, em Imbiribeira, na manhã desta segunda-feira (26). Neste ano, gestão municipal investiu mais de R$ 20 milhões nos 99 canais que cortam a cidade

Prefeito João Campos Prefeitura do Recife

Prefeito João Campos acompanhou a limpeza do Canal do Jordão, em Imbiribeira, na manhã desta segunda-feira (26). Neste ano, gestão municipal investiu mais de R$ 20 milhões nos 99 canais que cortam a cidade – Fotos: Edson Holanda/Prefeitura do Recife

Para manter a cidade limpa e promover um melhor escoamento das águas das chuvas, a Prefeitura do Recife, por meio da Autarquia de Manutenção e Limpeza Urbana do Recife (Emlurb), antecipou uma das medidas da Ação Inverno 2023 – a limpeza dos canais que cortam a cidade. Na manhã desta segunda-feira (26), o prefeito João Campos vistoriou a limpeza do Canal do Jordão, na Imbiribeira, Zona Sul da cidade, que será finalizada em janeiro. Neste ano, esse canal recebe o segundo serviço de limpeza. Desde janeiro, são aproximadamente R$ 20 milhões investidos nesse tipo de ação em toda a cidade. O gestor municipal também reforçou a importância dos recifenses contribuírem com o descarte correto do lixo.

“Estamos no Canal do Jordão, que está tendo a sua segunda limpeza neste ano. A gente colocou aproximadamente R$ 20 milhões na limpeza de canais para o desassoreamento dos 99 canais da cidade. Um valor que é mais de duas vezes o valor que foi colocado por ano anteriormente, tendo em vista as fortes chuvas que acometeram o Recife neste ano. Para ter uma dimensão: a gente tira normalmente 50 mil m³ de resíduos dos canais, e esse ano, a gente passou de 90 mil m³, o que equivale a mais de 8 mil viagens de caminhão com material, um volume muito grande”, detalhou João Campos.

Prefeito João Campos Prefeitura do Recife

O prefeito João Campos convocou a população para descartar corretamente os resíduos, evitando o entupimento dos canais da cidade. “Eu sempre repito que uma quantidade muito grande desse material é o que deveria estar no lixo, como plásticos, pneus, resíduos. Não deveriam estar aí. E há outra parte de areia e lama, do processo natural, que deve ser retirado. A gente reforça o cuidado com a cidade e antecipamos a limpeza dos canais. Vamos entrar em janeiro com vários já limpos para, no período das chuvas, ter maior capacidade de calha desses canais. E estaremos atentos para qualquer necessidade pontual de reforço de limpeza. Equipe trabalhando sem parar, seguimos no ritmo”, finalizou.

O porteiro Luciano da Silva, 46 anos, estava caminhando ao lado do Canal do Jordão, na manhã desta segunda, e aprovou a intervenção da Prefeitura do Recife. “Eu moro aqui perto, na Rua Rio Azul. Eu estou vendo que o prefeito realmente está trabalhando e a cidade está ficando mais bonita. Antes, tinha muito lixo aqui no canal, todo o visual está mudando agora. Isso é importante para a sociedade que vive aqui e para quem visita a cidade porque eles vêem que é uma cidade organizada. Esse canal teve um serviço de limpeza profunda, de verdade. Estão de parabéns”, opinou.

Para a limpeza do Canal do Jordão, a Emlurb conta com o trabalho de 15 trabalhadores e o apoio de uma escavadeira. O trecho beneficiado fica perto do supermercado Trevo, próximo à Rua Barão de Souza Leão, seguindo no sentido da Avenida Mascarenhas de Morais. “O serviço de limpeza de canal faz parte do planejamento estratégico das ações de manutenção da cidade do Recife. Por isso, essa ação está sendo antecipada e está sendo realizada ainda no final deste ano, por ser estratégica. Se em janeiro tivermos chuvas antecipadas, o escoamento das águas das chuvas será garantido com essas limpezas”, explicou a secretária de Infraestrutura do Recife Marília Dantas.

“Alguns canais estão tendo as limpezas de forma antecipada e simultânea. A limpeza do Jordão começou, no seu início, em setembro e agora está sendo feito o trecho próximo a Boa Viagem, que deve ser finalizado em janeiro. Também temos limpeza nos canais Lagoa Encantada, Santa Maria, Iraque, ABC, Riacho Camaragibe, Cavouco, além do Setúbal”, acrescentou Marília Dantas.

COMMENTS