Presidente da ACS-PE crítica vídeo de manifestantes da Esquerda pedindo o fim da Polícia Militar

O vídeo foi gravado durante o ato contra o presidente Jair Bolsonaro no último sábado (19), no Recife.

ACS-PE emite nota de pesar pela morte de Policial em Salvador
Em entrevista à CBN, presidente da ACS-PE pede reformulação e modernização no Plano de Cargos e Carreiras, conforme prometido pelo Governo
Presidente da ACS-PE participa de debate sobre democracia na Rádio CBN

O vídeo foi gravado durante o ato contra o presidente Jair Bolsonaro no último sábado (19), no Recife.

Durante a manifestação contra o presidente Jair Bolsonaro no último sábado (19), convocada por partidos e militantes da esquerda no Recife, um vídeo repercutiu nas redes sociais, após gritos pedindo o fim da Polícia Militar. O presidente da Associação de Cabos e Soldados de Pernambuco, Albérisson Carlos, repudiou a reivindicação dos militantes e detalhou a importância da instituição para a sociedade.

Albérisson informou que quem fica contra a Polícia Militar e pede o seu fim, não é a favor da democracia e gosta de “anarquia e bagunça”. O presidente da Associação também detalhou a importância da PM para sociedade pernambucana na contribuição diária na segurança da população.

“A Polícia Militar presta um grande serviço para a sociedade, não é o fato de ser Militar, que coloca a Polícia como inimiga da sociedade. Ela (PM) tem uma aprovação muito grande na prestação de serviço”, afirmou.

O presidente da ACS reconheceu que há alguns problemas dentro da PM, dentre eles, um código disciplinar Draconiano, muito repressivo que precisa tornar a instituição mais humanitária com a tropa, respeitando o princípio da pessoa humana.

“Mas não necessariamente acabar com a Polícia Militar, porque é uma instituição que promove, como a gente fala, a fronteira entre a sociedade e os praticantes de crimes”, concluiu.

COMMENTS