RADAR POLÍTICO (01/12) – Federação PT/PV/PC do B mira espaços na Mesa Diretora e Comissões da ALEPE

ESCRITO POR WELLINGTON RIBEIRO As discursões sobre a eleição da Mesa Diretora da próxima Legislatura da ALEPE seguem intensas. Ontem (30/11) foi o

Doriel Barros (PT), Rosa Amorim (PT), João Paulo Lima e Silva (PT), Joaquim Lira (PV), João de Nadegi (PV), Gilmar Júnior (PV) e João Paulo Costa (PC do B)
ESCRITO POR WELLINGTON RIBEIRO

As discursões sobre a eleição da Mesa Diretora da próxima Legislatura da ALEPE seguem intensas. Ontem (30/11) foi o dia dos deputados da Federação PT/PV/PC do B se reunirem para debater o posicionamento e reivindicações do grupo. Recentemente o PSB reuniu seus 13 deputados. Caminho também seguido pela bancada do PL e  Patriota, partidos que juntos possuem 6 parlamentares.

Composta por Doriel Barros (PT), Rosa Amorim (PT), João Paulo Lima e Silva (PT), Joaquim Lira (PV), João de Nadegi (PV), Gilmar Júnior (PV) e João Paulo Costa (PC do B), a Federação representa a terceira maior bancada da próxima Legislatura com sete parlamentares. Pelo tamanho e representatividade, o grupo decidiu que irá reivindicar espaços importantes não só na Mesa Diretora, mas também nas Comissões temáticas da Casa e para isto resolveu tomar as decisões em conjunto. “É importante que os deputados que integram a Federação estejam alinhados para superar os desafios do próximo ano. Nós somos a terceira maior bancada na ALEPE. A nossa voz precisa ecoar. Estamos unidos e com pensamentos alinhados”, destacou Doriel Barros.

Estreante no Legislativo Estadual, João de Nadegi apontou que as decisões do grupo estará na mesma direção dos interesses da população. “Seja qual for o caminho que o nosso bloco escolher, o fortalecimento do Legislativo, e, sobretudo, a excelência na prestação do serviço público aos pernambucanos serão o nosso Norte”.

Por sua vez, João Paulo Costa, que vai para o seu segundo mandato, fez questão de ressaltar a representatividade da Federação. “A nossa bancada, composta por sete deputados, atuará com muito diálogo e responsabilidade em benefício do povo pernambucano”, destacou o deputado João Paulo Costa (PC do B).

Com os seus sete parlamentares, ficando atrás apenas do PSB que terá 13 deputados e do PP que terá 8, a Federação pretende reivindicar uma posição de destaque na configuração da próxima Mesa Diretora já que é considerada estratégica para a composição de chapas. Espaços como a 1ª Secretaria e 1ª Vice-presidência estão no radar do bloco, além da presidência de Comissões como Constituição, Legislação e Justiça; Saúde e Assistência Social; Finanças, Orçamento e Tributação; e Agricultura, Pecuária e Política Rural.

CONFIRA AINDA:

PSB mira 1ª Secretaria da ALEPE

COMMENTS