Radar Político (02/07) – A força de Guilherme Uchôa

Radar Político (02/07) – A força de Guilherme Uchôa

Presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco desde 2007, o deputado estadual Guilherme Uchôa é reconhecidamente uma peça importante do grand

Em reunião com secretário estadual de Saúde, deputado Clóvis Paiva solicita abertura de UPAs 24 horas em municípios da Mata Sul
Fernando Monteiro articula avanços para projeto de assentamento na Mata Sul
Clovis Paiva reivindica melhorias em educação e saúde na Mata Sul

Presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco desde 2007, o deputado estadual Guilherme Uchôa é reconhecidamente uma peça importante do grande tabuleiro da política pernambucana. A sua atuação de quase 12 anos a frente da ALEPE é marcada principalmente pela forma com que defende a autonomia do Parlamento e de seus pares graças a uma disposição rara de não temer comprar brigas com quem quer que seja para que isto seja respeitado, sendo esta uma das razões pela qual conseguiu tamanha longevidade a frente do posto. A valorização dos servidores da Casa também é uma de suas marcas registradas.

Juiz aposentado, Guilherme construiu ao longo de sua carreira profissional e política um trânsito com o Judiciário estadual que é privilégio para poucos. Esta estreita relação inclusive foi responsável por distencionar um desconforto entre o Judiciário e o Executivo Estadual logo no início do mandato do governador Paulo Câmara.

O seu prestígio e força política junto ao Governo o coloca como principal intermediador entre a ALEPE e o Poder Executivo. Deputados que têm dificuldade de falar com secretários recorrem a ele com frequência para intermediar encontros. Ele é quase unanimidade na Casa.

Por todo um simbolismo e força que carrega, Guilherme é visto pela Oposição como o caminho mais curto para desestabilizar de vez a Frente Popular caso decida se unir ao bloco liderado por Armando Monteiro, no entanto tal movimento é difícil de ocorrer dada a sua excelente relação com o governador Paulo Câmara, a quem deverá manter o apoio.

Assistência nota 10 – O excelente atendimento recebido pelo presidente da Assembleia Legislativa, Guilherme Uchôa, na UPA de Igarassu, após passar mal na madrugada de domingo, foi primordial para garantir que o seu quadro de saúde fosse estabilizado. Vale lembrar que Guilherme Uchôa foi o principal defensor da construção da referida unidade de saúde no município.

Fora do páreo – A contratação pela Secretaria estadual de Cultura da peça teatral intitulada “O evangelho segundo Jesus, Rainha do Céu”, protagonizada por uma atriz transexual e que seria apresentada no Festival de Inverno de Garanhuns, causou um grande mal estar entre a comunidade evangélica e católica com o Governo do Estado. A fatura está sendo debitada na conta do secretário Marcelino Granja, do PC do B, que agora pode ser responsabilizado por inviabilizar a indicação da deputada comunista Luciana Santos na composição da chapa com o governador Paulo Câmara, seja na posição de candidata ao Senado ou a vice.

Dúvida – Representante da Assembleia de Deus na Câmara Federal, Pr. Eurico (Patriotas) não poupou críticas a Marcelino Granja e disse que o episódio pode acarretar sérios prejuízos eleitorais ao governador. O vídeo feito pelo religioso deixa dúvidas quanto a sua permanência na Frente Popular.

Patriotas 1 – Por falar em Pr. Eurico, é grande a expectativa de que ele amplie a sua votação em relação à eleição passada, quando obteve mais que 233 mil votos, o que ajudará para que o seu partido, o Patriotas, eleja no mínimo dois deputados em sua chapinha. A comemoração do Centenário da Assembleia de Deus neste ano cria a atmosfera perfeita para que isto aconteça.
Patriotas 2 – O vereador recifense e pré-candidato a deputado federal Davi Muniz deve sair da região metropolitana com um excelente desempenho nas urnas. Só no Recife a expectativa é que ele supere a casa dos 20 mil votos. Já no município vizinho de Camaragibe, o apoio da vice-prefeita Dr. Nadegi Queiroz deve lhe garantir uma boa votação.

Mudando os planos – O vácuo encontrado no Sertão do São Francisco de uma candidatura a deputado federal que se identifique com a defesa do ex-presidente Lula tem servido de estímulo para o deputado estadual Odacir Amorim (PT). O parlamentar, que se lançou como “pré-candidato a governador”, já avalia a possibilidade de dar um salto na carreira disputando uma vaga na Câmara Federal.

Pé na estrada – Em uma extensa maratona realiza durante o final de semana, o deputado estadual José Humberto (PTB) esteve na Mata Sul reunido com o prefeito Marquinhos Moura (Maraial), passou por Capoeiras, no Agreste Meridional, onde foi recebido por vereadores aliados e ainda passou por Iguaracy, no Sertão do Pajeú, para cumprir uma agenda com o ex-prefeito Francisco Dessoles. Com bases consolidadas em vários municípios do estado José Humberto deve figurar mais uma vez entre os 49 eleitos.

Ampliando as bases 1 – Acompanhada do pai, o ex-prefeito de Ipojuca Pedro Serafim, a pré-candidata a deputada estadual Débora Serafim (PSC) esteve no município de Jaboatão dos Guararapes em um evento promovido por um grupo de apoiadores. Na pisada que vai, Débora tem tudo para conquistar uma das vagas da chapinha do PSC.

Ampliando as bases 2 – Outro pré-candidato que também tem crescido na bolsa de apostas é Clóvis Paiva (PP). Ontem ele esteve em Timbaúba para selar a dobradinha que tem com o deputado federal Marinaldo Rosendo. Da forma como está avançando Clóvis deve figurar facilmente entre os cinco mais votados da chapinha do PP.

Mudar e Agir – Disposto a quebrar a hegemonia de um grupo que se alterna há 20 anos a frente do Conselho de Medicina do Estado de Pernambuco (CREMEPE), o médico oftalmologista Dr. Antônio Jordão, ao lado de outros profissionais, se apresenta como alternativa para as eleições que ocorrerão nos dias 7 e 8 de agosto para o Conselho. O discurso defendido pela chapa tem conseguido atrair adesões e pode surpreender nas urnas. Quem tem dado uma força ao grupo é Tarcísio Calado Filho.

Escrito por Wellington Ribeiro – E-mail: [email protected]

COMMENTS