RADAR POLÍTICO (22/04) – Raquel Lyra liga os motores para 2022

Saiba esta e outras informações sobre os bastidores da política pernambucana clicando no link

Aglailson Victor é convidado para assumi vice-liderança do Governo
Disputa por espaços na Mesa ganha novos contornos na ALEPE
Aglailson Victor comemora licitação da reforma da PE 045

Escrito por Wellington Ribeiro

Pela movimentação realizada durante esta semana, quando tomou a iniciativa de visitar os prefeitos Keko do Armazém (Cabo de Santo Agostinho) e Célia Sales (Ipojuca), a prefeita de Caruaru Raquel Lyra sinalizou que não abandonou a sua intenção de disputar o Governo do Estado em 2022. Ao que parece, Raquel percebeu que a sua inércia diante das movimentações dos prefeitos Miguel Coelho (Petrolina) e Anderson Ferreira (Jaboatão), ambos candidatíssimos à sucessão do governador Paulo Câmara e que dividem com ela a preferência dentro do campo oposicionista, estava sendo interpretada como uma desistência. Ainda que lá na frente possa decidir não concorrer, Raquel, na condição de presidente estadual do PSDB, tem a responsabilidade de percorrer o estado para, no mínimo, fortalecer o partido.

Com um vasto currículo público, Raquel já foi delegada da Polícia Federal, é concursada procuradora do Estado, exerceu a função de secretária estadual da Criança e Adolescente, teve dois mandatos de deputada estadual e atualmente cumpre seu segundo mandato como prefeita da maior cidade do Agreste, uma trajetória que sem sombra de dúvida a credencia a qualquer posto que deseje disputar. Porém, vale destacar, que entre o desejo e a vitória existe um longo caminho a ser percorrido, algo que Raquel está executando em um ritmo bem menor que o de seus outros dois concorrentes. Ela precisa ser mais enérgica!

EM … – Principal ativista da causa animal no estado, o deputado estadual Romero Albuquerque (PP), que tem nas mãos em 2022 a oportunidade de alçar voo para Brasília concorrendo ao cargo de deputado federal, teria decidido pela renovação do mandato na ALEPE.

…ASCENSÃO – Eleito vereador do Recife em 2016 com pouco mais de 5 mil votos e deputado estadual dois anos depois com mais de 29 mil votos, Romero coordenou a companha vitoriosa da esposa Andreza Romero à Câmara do Recife em 2020, projeto que alcançou expressivos 13.249 votos e fez com que ela figurasse como a 2ª mais votada no município. Com apenas 29 anos de idade o parlamentar se apresenta como uma liderança política promissora da nova safra de políticos.

PÉ NA ESTRADA – O deputado estadual Aglailson Victor (PSB) aproveitou o feriado para cumprir uma intensa agenda Sertão. O socialista esteve com os prefeitos Manuca (Custódia) e Adelmo Moura (Itapetim), além do ex-prefeito Vanderlei, de Brejinho, e vereadores de Betânia. Apesar de estar com uma reeleição bem encaminhada, dado o número de prefeitos, ex-prefeitos e vereadores que fazem parte da sua base, Aglailson Victor segue disposto a ampliar este exército. A expectativa é que após essa passagem pelo Sertão ele anuncie mais adesões.

PÉ NA ESTRADA 2 – O deputado federal André Ferreira (PSC) também se deslocou para o interior do estado, mais precisamente para o Agreste Setentrional. Em João Alfredo o parlamentar participou da entrega de duas retroescavadeiras ao lado do prefeito Zé Martins. Já em Feira Nova visitou o ex-prefeito Nicodemos.

Prefeita Juliana Chaparral – Imagem/arquivo

HERANÇA MALDITA – Em entrevista à Rádio Integração FM, onde realizou o balanço dos 100 dias de gestão, a prefeita do município de Casinhas, Juliana Chaparral (DEM) expôs que recebeu das mãos do ex-prefeito João Camelo (PSB) a prefeitura com uma dívida superior a R$ 1 milhão. Esposa do ex-prefeito de Orobó, Cléber Chaparral, Juliana fez história em Casinhas por quebrar um ciclo de 24 anos onde os ex-prefeitos João Camelo e Rosineide Barbosa se reversavam no poder.

OUTRO NÍVEL – Sob o comando da prefeita de Primavera, Dayse Juliana (PSB), o Consórcio Público dos Municípios da Mata Sul (Comsul) ganhou uma nova dimensão. A entidade, que reúne 17 municípios da região, tem ampliado de forma significativa o apoio aos consorciados.

ALGUÉM RESPONDE? – O ex-senador Armando Monteiro vai “desaposentar” em 2022 e disputar um cargo eletivo ou terá como missão andar a tira colo da prefeita Raquel Lyra nos municípios?

Wellington Ribeiro é pós-graduado em Gestão Pública e Legislativa pela UPE

COMMENTS