Radar Político (28/08) – Para garantir mandatos deputados podem se unir para formar a “Chapa da Vida”

Radar Político (28/08) – Para garantir mandatos deputados podem se unir para formar a “Chapa da Vida”

Surge com força nos bastidores da Assembleia Legislativa um movimento entre deputados estaduais que planejam formar uma chapinha competitiva para lhes

“Temos em Pernambuco números de guerra”, diz Armando Monteiro em relação a violência no Estado
Raquel Lyra coordena reunião com pré-candidatos do PSDB
Armando contesta ministro: não há espaço para concorrente da Hemobrás

deputados estaduaisSurge com força nos bastidores da Assembleia Legislativa um movimento entre deputados estaduais que planejam formar uma chapinha competitiva para lhes garantir uma probabilidade maior de renovação dos seus mandatos. A chamada “Chapa da Vida” agruparia em um só lugar cerca de 12 parlamentares.

A ideia seria montar uma coligação entre várias siglas, tendo como principal partido o PP, que tem como presidente regional o deputado federal Eduardo da Fonte, ou até mesmo a mudança de legenda por parte de alguns com a abertura da janela partidária, no próximo ano. A composição da “Chapa da Vida” contaria com o puxador de votos Pastor Cleiton Collins, além dos deputados Claudiano Filho, Eriberto Medeiros, Beto Accioly, Everaldo Cabral, Zé Maurício, Dr. Valdir, João Eudes, Eduíno Brito, Pedro Serafim Neto, Joel da Harpa e Jandeval de Lima.

Com exceção de Cleiton Collins, que alcançou na última eleição mais de 215 mil votos, de Eriberto Medeiros que teve 52 mil votos e Claudiano Filho que conquistou mais de 48 mil votos, os demais dificilmente irão superar a barreira dos 40 mil votos, o que sem dúvida os colocam na zona de risco caso optem por disputar em um chapão com o PSB, hoje apontado como “a Chapa da Morte”.

Comenta-se que a ideia da composição entre estes deputados seria a de garantir ao menos 9 cadeiras, ficando apenas três parlamentares de fora, equação que facilmente seria resolvida com a participação do PP na composição de um futuro governo indicando secretários.

Caso se configure este cenário, o PP ganha mais musculatura, falará mais grosso e poderá ter um papel decisivo nas eleições estaduais de 2018, podendo inclusive brigar pela indicação de um nome para compor uma vaga na chapa majoritária, sendo o deputado federal Eduardo da Fonte a principal sugestão para disputar uma vaga para o Senado.  É aguardar pra ver!

Armando Monteiro

Sinal? – A entrega de 2.400 casas nesta segunda-feira, em Caruaru, passaria desapercebida do noticiário político estadual senão fosse uma única coisa: O ato reunirá em um só local os ministros Bruno Araújo (Cidades), Mendonça Filho (Educação), Raul Jungmann (Defesa) e Fernando Filho (Minas e Energias), além do deputado federal Augusto Coutinho (SD) e do senador Fernando Bezerro Coelho. É ainda esperada a participação do senador Armando Monteiro e de deputados do PTB. Seria este um prenúncio da criação de uma possível coalizão para disputar contra Paulo Câmara em 2018?

O meu pirão primeiro –  Procurados pelo Blog para darem sua opinião sobre uma provável união entre o PT e PSB na eleição de 2018, alguns observadores políticos foram categóricos em afirmar que este movimento foi iniciado por cardeais do próprio PT estadual, que preocupados apenas em garantir sua sobrevivência política estimularam a candidatura de Marília Arraes para apenas barganhar com o Palácio. Um verdadeiro golpe contra a aguerrida vereadora recifense.

Júnior MatutoCuspindo fogo – O prefeito de Paulista, Júnior Matuto (imagem), não digeriu muito bem a forma como foi conduzido o Congresso Estadual do PSB. O gestor chegou ao evento acompanhado de uma grande comitiva, foi chamado inclusive por Sileno Guedes para compor a mesa, porém não atendeu ao convite e em pouco tempo saiu do recinto bastante descontente. Aos que presenciaram a sua chegada perceberam que ele não ficou nada satisfeito com a formação da chamada “chapa de consenso”.

Recado? – Embora o PSB quisesse passar um clima de unidade durante o Congresso realizado ontem, a ausência do senador Fernando Bezerra e de parte de seu grupo político transmitiu a imagem de que o ambiente dentro do ninho socialista é de divisão e não anda nada bem.

Insatisfação – E não foi só Júnior Matuto que ficou assim, alguns prefeitos foram pegos de surpresa ao saberem que não tinham a oportunidade de escolher outra opção senão Sileno. Um deles confidenciou ao Blog que não concordava com a forma como foi conduzido o processo

Mata Sul bem representada – Com a presença de mais de 500 delegados, o Congresso do PSB contou com a participação de vários políticos da Região. Os prefeitos Marcello Maranhão (Ribeirão),Sérgio Hacker (Tamandaré), Eduardo Coutinho (Água Preta) e os ex-prefeitos Carlinhos da Pedreira (Barreiros) e João Bezerra (Palmares) foram alguns dos que registraram presença no encontro.

Presença 1 – A convite do prefeito de São José da Coroa Grande, Pel Lages (PEN), o deputado federal João Fernando Coutinho (PSB) e o vereador recifense Davi Muniz (PEN) estiveram no último sábado no município para prestigiar o 3º Moto Fest, evento que reuniu grande número de amantes do motociclismo vindos de todas as partes do país.

Presença 2 – João Fernando e Davi Muniz também aproveitaram a passagem pela “Terra das Piscinas Naturais” para ao lado do prefeito visitar as várias obras que estão sendo realizadas pela Prefeitura. Sempre presentes em São José, ambos já criaram uma relação bastante próxima com o município.

Destaque – Tem sido motivo de elogios a forma como a prefeita de Rio Formoso, Isabel Hacker (PSB) vem administrando o município. Com destaque para a área da saúde, onde a Prefeitura está investindo cerca de 20% do orçamento, bem acima do mínimo exigido pela Lei. A atitude da gestora em priorizar esta importante área tem feito com que os rio-formosenses tenham acesso a médicos 24 horas no hospital municipal, além da reativação de serviços de especialidades médicas.

Escrito por Wellington Ribeiro

*Quer participar da coluna diária do Blog Ponto de Vista? Envie notícias da sua região para o nosso contato de whatshapp: (81) 99521-6544 (TIM) ou ligue para 97310-1317 (Claro). Se preferir, envie o assunto para o E-mail: [email protected]

COMMENTS