Ricardo Fiuza Neto é uma das apostas da juventude do Solidariedade para 2022

Saiba mais informações clicando no link

Paulo Câmara inaugura a Escola Técnica Estadual Chico Science em Olinda
Lei de Augusto Coutinho sobre a ampliação do teste do pezinho é sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro
Transformação na mobilidade de Verdejante conta com R$ 300 mil em emendas de Augusto Coutinho


O Solidariedade está investindo nas bases do partido para as eleições de 2022. Uma das apostas é o segmento da juventude, garantindo a renovação de quadros na política. Um dos exemplos desse investimento da sigla é a pré-candidatura a deputado estadual de Ricardo Fiuza Neto, de 24 anos, que atua no ramo da advocacia no Recife. Com novas ideias, ele traz os valores da juventude e o peso da tradição. Ele é neto do ex-deputado Ricardo Fiuza, que conquistou diversos mandatos por Pernambuco na Câmara Federal, chegando a ser ministro da Ação Social e da Casa Civil.

O deputado federal Augusto Coutinho, fundador do Solidariedade no estado, comemorou a pré-candidatura e destacou esse projeto partidário. “O engajamento do jovem na política é muito importante para trazer novas ideias, conectar o que nós estamos fazendo à realidade desses novos protagonista”. Fiuza Neto vê na política uma oportunidade de fomentar a geração de empregos e oportunidades, sobretudo às classes menos favorecidas. “Eu quero trabalhar para ajudar a destravar os gargalos de nossa economia, ajudar a diminuir a burocracia, favorecendo o empreendedorismo e atraindo novos investimentos para Pernambuco. Uma das minhas bandeiras é o desenvolvimento econômico e social, trabalhando principalmente para que sejam geradas mais vagas de emprego para a população”, defendeu.

Ricardo Fiuza Neto não esconde as influências do avô sobre sua futura vida pública. Seu avô foi considerado um dos parlamentares mais influente da Câmara enquanto exercias seus mandatos. “Quando meu avô morreu, eu tinha apenas 9 anos. Mas sempre li muito sobre a carreira política dele. O que eu mais me espelho nele é a valorização da palavra, o caráter e a lealdade. Quando comprometemos algo à população ou a um companheiro político, precisamos cumprir. Ética e moral são heranças dele que levarei comigo”, comenta.

COMMENTS