Sileno Guedes defende maior participação de municípios no fortalecimento do SUAS

Sileno Guedes defende maior participação de municípios no fortalecimento do SUAS

Para criar novas estratégias de fortalecimento do Sistema Único da Assistência Social (SUAS), o secretário estadual de Desenvolvimento Social, Cri

Radar Político (14/12) – Composição da nova Mesa Diretora da ALEPE próxima de concluída
Na Câmara, Danilo é escolhido relator de comissão que vai acompanhar a situação de municípios atingidos pelas enchentes
Emendas de Danilo Cabral à LDO buscam evitar cortes no orçamento da educação e assistência social em 2021

Durante o encontro, que contou com participação dos deputados Danilo Cabral e Isaltino Nascimento e Kátia Cunha e Joelma Karla (do coletivo Juntas), dados orçamentários da Assistência Social foram discutidos

Para criar novas estratégias de fortalecimento do Sistema Único da Assistência Social (SUAS), o secretário estadual de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ), Sileno Guedes, se reuniu com conselhos, militantes e gestores da assistência social de mais de 20 municípios pernambucanos durante evento da Frente Pernambucana em Defesa do SUAS, nesta sexta-feira (15). Além do grupo, estiveram presentes os deputados Danilo Cabral (federal) e Isaltino Nascimento (estadual), além de Kátia Cunha e Joelma Karla (integrantes do coletivo Juntas), que destacaram o apoio na construção de ações de enfrentamento aos desafios que têm delineado a política da assistência neste ano.

Em discurso durante a participação na mesa de abertura, Guedes destacou a disposição política da SDSCJ em se integrar nesse movimento e da necessidade da participação dos gestores municipais, sobretudo dos prefeitos, na incorporação das forças em defesa do SUAS. “É importante que todo estado de Pernambuco tenha participação no Fórum de Gestores e que as representações locais estejam abertas ao diálogo sobre a necessidade do fortalecimento da Assistência. É fundamental que os municípios se articulem para conseguirmos um movimento de baixo para cima e, assim, contribuirmos mais no avanço da política”, afirmou.

Acompanhando o secretário estadual no encontro, o executivo da pasta, Joelson Rodrigues, repassou dados orçamentários da assistência já apresentados pelo Governo Federal. Durante o encontro, Rodrigues pontuou a importância do sistema. “Mais da metade dos pernambucanos são atendidos de alguma forma pelos serviços e programas socioassistenciais, que têm garantido a essas pessoas o acesso aos direitos. Hoje, temos um sistema consolidado e isso aconteceu por conta de várias mobilizações e da criação de projetos e ações importantes, e isso precisa ser mantido e preservado”.

Presidente da Frente Parlamentar em Defesa do SUAS e relator da PEC 383, de 2017, que busca garantir 1% da receita da União para o financiamento do sistema, o deputado federal Danilo Cabral frisou a necessidade de estimular a sociedade tanto para o debate como para as reivindicações. “A população ainda não entende a importância do sistema e muita gente só percebe quando o problema chega no seu portão. Precisamos mobilizar a sociedade, mas é importante que os prefeitos se envolvam mais, pois quando os programas de transferência de renda e os serviços da assistência não forem mais repassados ao cidadão, o beneficiado vai cobrar primeiro o município e não o governo federal ”, ressalta.

Dentre os encaminhamentos da reunião, estão a construção de um calendário nacional de mobilizações e uma agenda de encontros regionais, a solicitação de audiências públicas e a convocação de mais parlamentares estaduais e federais. Foi pontuado também a necessidade dos estados nordestinos criarem Frentes Parlamentares e a interlocução com conselhos setoriais, como forma de mobilização para garantir o fortalecimento do SUAS.

COMMENTS