Sileno Guedes visita Centro de Referência para crianças e adolescentes com deficiência auditiva de Nazaré da Mata

A visita do secretário de Desenvolvimento Social foi acompanhada pelo bispo da Diocese de Nazaré, Dom Francisco Lucena, que apresentou a sede da instituição

Municípios pernambucanos recebem orientação para criação de Plano de Contingência da assistência social
Governo de Pernambuco paga parcela residual aos beneficiários do 13º do Bolsa Família
Jovens egressos do Sistema Socioeducativo recebem certificação do Cesar School

Imagem SDSCJ/divulgação

O secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ), Sileno Guedes, visitou nesta segunda-feira (08) o Centro de Referência e Formação da Criança e Adolescente Surdos (Crefas), no município de Nazaré da Mata. Acompanhado do bispo da Diocese de Nazaré, Dom Francisco Lucena, o gestor conheceu a dinâmica de funcionamento e a estrutura da entidade, que atua há mais de 10 anos com o atendimento de pessoas com deficiência na Mata Norte e Agreste do Médio Capibaribe.

Durante a visita, Sileno destacou o empenho que o Governo do Estado tem exercido para fortalecer a rede de proteção e de serviços que atuam diretamente com esse público. “Temos uma dedicação histórica com a política das pessoas com deficiência, com a construção de programas e projetos importantes para o segmento, como o PE Conduz, que transporta pessoas com dificuldade de locomoção para atendimentos de saúde e opções de lazer, a Central de Libras, que disponibiliza intérpretes para garantir às pessoas com deficiência auditiva a acessibilidade na comunicação em serviços de saúde, justiça e cidadania, o programa Olhar para as Diferenças, que monitora crianças de 0 a 6 anos com deficiência da Região do Moxotó, e outras tantas iniciativas estaduais que demonstram que o nosso compromisso é em garantir os direitos das pessoas que mais precisam. Por isso, é necessário estreitar os laços com equipamentos que também contribuem com a inserção social e o desenvolvimento dessas pessoas, como faz o CREFAS, que existe a partir da dedicação da Igreja, da sociedade, do poder público e dos usuários desse equipamento”, afirmou o secretário.

O CREFAS é uma entidade sem fins lucrativos que faz parte da Diocese de Nazaré. A instituição trabalha para contribuir com o desenvolvimento de crianças e adolescentes, principalmente com deficiência auditiva, através de práticas da educação inclusiva, inserção cultural e atenção psicossocial, proporcionando vivências pedagógicas e o acesso a instrumentos que despertam as habilidades e potencialidades desse público. Além disso, tem como objetivo a educação complementar e profissionalizante de crianças e jovens surdos das regiões da Zona da Mata e do Agreste. O Centro oferece cursos de libras, instrutor, fotografia e reforço escolar, além de oficinas e atendimento psicológico especializado. “Um dos nossos objetivos é ajudar na qualificação dos jovens para que eles possam construir, com dignidade, um futuro melhor para si e para suas famílias. O secretário Sileno fez um gesto importante em conhecer o nosso espaço, e agora temos o desejo de formalizar essa parceria e aumentar a capacidade de atendimento da instituição”, pontuou Dom Francisco Lucena.

A visita ao espaço contou também com a presença do gerente geral de Articulação da SDSCJ, Aldo Santos, e do chefe de gabinete, Diogo Prado.

COMMENTS