Vereador Deoclécio solicita e Câmara instala comissão para apurar denúncias de moradores de Ipojuca na internet

Vereador Deoclécio solicita e Câmara instala comissão para apurar denúncias de moradores de Ipojuca na internet

Saiba mais informações clicando no link

Caravana Social do vereador Deoclécio chega aos engenhos Belém e Dois Mundos em Ipojuca
Em Ipojuca, vereadores apontam crime de responsabilidade em LOA sancionada pela prefeita
IPOJUCA – Prefeita Célia Sales cobra de vereadores aprovação do NOVO BEM

A Câmara de Vereadores do Ipojuca instalou nesta terça-feira (27) uma comissão especial para receber e apurar denúncias feitas pela população ipojucana nas redes sociais. O requerimento, aprovado por unanimidade pelos parlamentares é de autoria do vereador Deoclécio Lira (PSB) e tem o objetivo de esclarecer aos munícipes assuntos que são difundidos na internet sem maiores aprofundamentos.

“São denuncias e mais denuncias que chegam através das redes sociais. São-nos enviados relatos, fotografias sobre diversas situações que vão desde falta de iluminação pública, ruas esburacadas, comunidades rurais inacessíveis, dentro outras. É preciso checar o que é fato ou fake news e chamar os agentes responsáveis para prestarem esclarecimentos sobre essas inúmeras situações”, afirmou o vereador Deoclecio, que presidirá a comissão, acrescentando.

“Dou exemplos de como esta comissão irá funcionar. O ex-secretário de Habitação foi exonerado ou pediu demissão, não sei, e fica na internet fazendo acusações, contando histórias. Então é preciso tomar por termo, colocar o preto no branco e solicitar que se sejam apresentadas as provas das denuncias. Da mesma forma, o cidadão que se utiliza das redes sociais para chamar agentes públicos de bandidos. Iremos solicitar o seu comparecimento à casa legislativa para que apresente os elementos que embasaram a sua afirmação e assim será feita uma apuração preliminar e realizado os encaminhamentos necessários. É assim que se forma um município mais justo”, concluiu.

Além de Deoclécio, que presidirá a comissão, o instrumento terá o vereador Flávio do Cartório (PSD) como relator.

COMMENTS