Violência aumenta e prejudica a economia do Litoral Sul de Pernambuco

Desde que foi lançado, o Programa Pacto pela Vida sempre apresentou redução de homicídios no mês de janeiro, no entanto, o programa tem demonstrado es

POLÍCIA MILITAR PRIORIZA OPERAÇÕES EM SÃO JOSÉ DA COROA GRANDE E BARREIROS
Fernando de Noronha sem salva – vidas, alerta Joel da Harpa
Bombeiros em Fernando de Noronha aguardam pagamento das cotas de jornada extra

Desde que foi lançado, o Programa Pacto pela Vida sempre apresentou redução de homicídios no mês de janeiro, no entanto, o programa tem demonstrado esgotamento e ineficiência no combate  a violência desde o ano passado (2014), quando o número de homicídios cresceu mais de 10% em relação ao ano de 2013. Outro agravante é que a criminalidade tem avançado principalmente nos pequenos municípios, atingindo em cheio a economia e o sossego dessas regiões.

Com 309 assassinatos ocorridos neste mês de janeiro, o número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), superou em 60 mortes, comparado ao mesmo período do ano passado. Cidades como Barreiros, São José da Coroa Grande, Tamandaré e Rio Formoso, no litoral Sul pernambucano, sofrem com o avanço indiscriminado da violência, que além da perca de vidas, têm afetado o comércio e o turismo local cruelmente.

Além de não investir de maneira sólida no turismo do litoral Sul, o Governo do Estado não tem cuidado da segurança pública como deveria, prejudicando ainda mais estes municípios, pois em vez de termos veiculadas matérias promovendo os potenciais turísticos dessas regiões, temos notícias que constrangem e maculam a reputação dessas cidades.

Escrito por Wellington Ribeiro

COMMENTS