ACS-PE emite nota sobre vitória de militares estaduais no Congresso

Saiba mais informações clicando no link

Presidente da ACS-PE é convidado para representar o Brasil em evento internacional sobre saúde mental
ACS-PE se solidariza com a família dos policiais assassinados recentemente em cidades brasileiras
“Policial não age por ideologia”, garante Presidente da ACS-PE

NOTA:
Projeto de Lei Complementar que pretendia tirar direitos políticos de algumas categorias, entre elas a dos Militares, foi derrotada.

A Associação Pernambucana dos Cabos e Soldados parabeniza a atuação de todos os envolvidos na busca por democracia. O destaque número 10 do PLP 112/2021 foi derrubado por 405 votos a 52 no congresso nacional. O texto limitava os direitos políticos do militar, que só poderia se candidatar a cargo eletivo após cumprir quarentena de 5 anos. Aos deputados que votaram à favor da democracia, nosso agradecimento, principalmente àqueles que fazem parte da bancada Militar. Destacamos também a fundamental participação da Associação Nacional de Entidades Representativas de Policiais e Bombeiros Militares (ANERMB), presidida pelo Sargento Leonel Lucas, e ao sempre atuante Coronel Muller, assessor parlamentar do Senado Federal.

Albérisson Carlos
Presidente da ACS-PE

COMMENTS