conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

MENU

POLÍTICA

Alcides Cardoso diz que gestão João Campos só tem 4% dos kits escolares de 2024 e que atraso é falha grave da gestão

Foto: Phillipe Jonathan/Divulgação

O vereador Alcides Cardoso (PSDB), líder da oposição na Câmara do Recife, destacou nesta terça-feira (6) que apenas 4% dos 121.791 kits escolares destinados ao ano letivo de 2024 foram entregues até a segunda-feira (5) no almoxarifado da Secretaria de Educação do Recife, localizado em Muribeca, Jaboatão dos Guararapes. As aulas na rede municipal de ensino iniciaram na última segunda-feira (5), porém, os alunos ainda não receberam o material escolar devido ao atraso na compra, no valor total de R$ 29 milhões, pela gestão do prefeito João Campos (PSB), que se estendeu por quase um mês.

Para o parlamentar oposicionista, trata-se de uma “falha grave da gestão”. “Educação é coisa séria, não é piada de internet, não é brincadeira de redes sociais. A gestão chega ao seu quarto ano, quando tudo deveria estar nos trinques, com as aulas iniciadas sem os kits entregues. Cumprindo o nosso papel, vamos cobrar a entrega de cada um dos mais de cem mil kits e verificar por que houve atraso. E umas das linhas da nossa fiscalização tem base nos muitos comentários de que a gestão se endividou mais do que podia para parecer eficiente, o que estaria resultando na falta de recursos para resolver o que é prioridade, causando esse descaso com a Educação”, afirmou Alcides Cardoso.

Segundo uma nota fiscal divulgada pelo líder da oposição, até o último sábado (3), apenas 5 mil kits foram recebidos no almoxarifado da Secretaria de Educação, o que pode comprometer o compromisso da Prefeitura de entregar, com atraso, o material escolar em todas as creches e escolas da rede municipal até o final de fevereiro. Esta quantidade pertence ao lote destinado aos estudantes do 1º, 2º e 3º ano do Ensino Fundamental, que compreende a faixa etária de 6 a 8 anos. Dos 37.201 kits adquiridos para este grupo de alunos, apenas 5 mil foram entregues.

Em 27 de dezembro de 2023, a Prefeitura emitiu dois empenhos no valor total de R$ 29 milhões para a compra dos kits escolares, porém, esses foram anulados dois dias depois. A gestão municipal só retomou o processo de aquisição em 2024, em 23 de janeiro, reemitindo os dois empenhos, atrasando assim o processo em quase um mês, uma vez que a empresa fornecedora dos materiais só pode entregá-los após a emissão dos empenhos.

Alcides Cardoso afirmou que pretende acionar o Ministério Público de Contas (MPCO), o Tribunal de Contas do Estado (TCE) e o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) para garantir que os alunos não sejam mais prejudicados pelo que considera ser uma “má gestão” por parte do governo de João Campos.

Leticia Lima

Jornalista diplomada pela Uninassau

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

OPORTUNIDADE

O prefeito Mano Medeiros anunciou hoje (26), um concurso público para diversos cargos públicos no Jaboatão dos Guararapes, oferecendo um total de 1.582 vagas....

ELEIÇÕES 2024

O Blog Ponto de Vista, em parceria com o Instituto França de Pesquisas (IFP), divulgará neste domingo pesquisa sobre a corrida eleitoral em Caruaru....

Recife

Aumentou o número de opções entre os auxiliares do prefeito João Campos que entraram no radar como alternativas para ser seu companheiro de chapa...

MUDANÇAS

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (22), mudanças nos comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil. O coronel Ivanildo Cesar Torres de...

Copyright © 2014 - 2023 Blog Ponto de Vista. Todos os direitos reservados.