Alcides Cardoso propõe que Prefeitura do Recife crie mutirão para zerar exames e cirurgias eletivas da rede de saúde do Recife

Saiba mais informações clicando no link

Bancada Cristã do Recife aprova requerimento que coloca igrejas como serviços essenciais
Vereador Alcides Cardoso (DEM) comemora prisão de suspeitos de furto no Parque das Esculturas, mas reforça que fiscalização continuará firme
Vereador Alcides Cardoso (DEM) propõe Projeto de Lei do Livre Anúncio para retirar lonas pretas fixadas em estabelecimentos comerciais do Recife

Imagem: Assessoria do vereador Alcides Cardoso

O vereador Alcides Cardoso (DEM) destacou, em reunião plenária da Casa de José Mariano nesta terça-feira (16),  indicação proposta por ele para a Prefeitura do Recife que cria o “Mutirão de Saúde” para acabar com a fila que já conta com mais de 143 mil solicitações de exames e cirurgias eletivas não agendados no Recife, de janeiro a agosto deste ano. O requerimento do vereador foi aprovado pelos vereadores.

“Até o último mês de agosto, já eram 83.445 pessoas aguardando a realização de seus exames e 679 pacientes para cirurgias eletivas. Com certeza, esses números estão bem defasados devido ao tempo para a realização dos procedimentos ser hoje infinitamente maior”, disse o vereador em seu discurso, citando dados enviados pela gestão municipal em resposta a um pedido do seu gabinete, com base na Lei de Acesso à Informação.

Segundo esses dados, o exame com maior número de pessoas aguardando é o de ultrassom, com 46.665 na espera. O exame é bastante utilizado para o diagnóstico de muitas doenças e é fundamental para as mulheres durante a gravidez. Em segundo lugar, está a endoscopia digestiva – que pode detectar câncer gastrointestinal, com 14.537 pessoas na fila.

Já a maior fila para cirurgias eletivas é para a realização de vasectomia, com 129 pessoas na espera. Na sequência, está a postectomia – popularmente conhecida como cirurgia de fimose -, tendo 94 pacientes à espera

O projeto de Alcides Cardoso prevê que mutirões organizados pela Secretaria Municipal de Saúde realizem exames clínicos, laboratoriais, procedimentos ambulatoriais e cirúrgicos de baixa complexidade para atender a demanda represada, agravada pela pandemia da Covid-19 e pela suspensão de procedimentos cirúrgicos eletivos, no período de março de 2020 a junho deste ano.

Na tribuna virtual, o parlamentar ressaltou que com o avanço da vacinação e a redução dos números de casos e mortes na cidade, mostra-se urgente a necessidade de que haja um esforço coletivo para solucionar o atual quadro da fila da saúde, em que os pacientes aguardam meses e meses para se submeterem a um procedimento ou a um exame.

“São pessoas vulneráveis que dependem da estrutura do poder público municipal para terem o direito à saúde, que a nossa Constituição estabelece como um direito fundamental. Os exames e procedimentos cirúrgicos melhoram muito a qualidade de vida e evitam que doenças evoluam, colocando em risco as vidas de quem está esperando”, afirmou o democrata.

Ainda no seu discurso, Alcides Cardoso lembrou que no âmbito estadual foi lançado o programa “Opera Mais” para reduzir o tempo de espera de cirurgias eletivas na rede estadual, mas que no plano municipal ainda não há uma ação semelhante.

“E na esteira da menção a essa iniciativa do Governo de Pernambuco, quero propor e defender a indicação ao prefeito João Campos para instituir o projeto de “Mutirão de Saúde”, do qual eu sou autor, para que tenhamos um programa para a nossa rede municipal”, realçou o vereador.

COMMENTS