conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

MENU

ALEPE

Diego Souza pode se tornar cidadão pernambucano; entenda

Foto: Divulgação


por Letícia Lima

O deputado estadual João de Nadegi (PV) quer o título de cidadão pernambucano para o jogador de futebol Diego Souza, ídolo do Sport, que voltou ao clube para encerrar a carreira.

O projeto do parlamentar está na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e seguirá para ser votado no plenário da Casa. Diego Souza tem 38 anos e nasceu no Rio de Janeiro.

Na justificativa do projeto, o parlamentar detalha os motivos da proposta.

Diego Souza é e sempre foi um jogador respeitado pelos seus adversários. Ele tornou-se um ‘Embaixador de Pernambuco’ onde quer vá. Aqui, mesmo com toda a rivalidade que existe entre os clubes locais, tornou-se um ídolo de todos. Sua postura em campo e fora dele remontam às melhores tradições pernambucanas de bravura e amor a uma bandeira. Sua garra, sua entrega, seu comprometimento, sua lealdade aos companheiros de batalha e a defesa destemida da nossa terra são marcas de um pernambucano nato”, pontuou.

Wellington Ribeiro

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Banner Santa Cruz do Capibaribe

Você também pode gostar

OPORTUNIDADE

O prefeito Mano Medeiros anunciou hoje (26), um concurso público para diversos cargos públicos no Jaboatão dos Guararapes, oferecendo um total de 1.582 vagas....

ELEIÇÕES 2024

O Blog Ponto de Vista, em parceria com o Instituto França de Pesquisas (IFP), divulgará neste domingo pesquisa sobre a corrida eleitoral em Caruaru....

Recife

Aumentou o número de opções entre os auxiliares do prefeito João Campos que entraram no radar como alternativas para ser seu companheiro de chapa...

MUDANÇAS

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (22), mudanças nos comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil. O coronel Ivanildo Cesar Torres de...

Copyright © 2014 - 2023 Blog Ponto de Vista. Todos os direitos reservados.