Governo federal atende solicitação do deputado Eduardo da Fonte e suspende aumento do preço dos medicamentos

Saiba mais informações clicando no link

Após prorrogação do auxílio emergencial, governo retoma agenda de reformas, diz FBC
Pandemia: José Queiroz culpa Bolsonaro por recorde de mortos no Brasil
Bolsonaro declara apoio à delegada Patrícia Domingos


O governo federal anunciou nesta terça-feira (31) a suspensão do reajuste no preço dos medicamentos. A medida vai ao encontro da solicitação feita pelo deputado federal Eduardo da Fonte (PP), no dia 17 de março, para que, em razão dos impactos econômicos causados pelo coronavírus, o aumento no preço dos remédios não fosse autorizado.

A suspensão do reajuste foi anunciada por 60  dias e deve ser reavaliada ao fim do prazo, podendo ser prorrogada.

“Todos precisamos contribuir para vencer essa epidemia. Isso é uma medida importante para o orçamento familiar em um momento em que a renda está sendo achatada. Não há justificativa para um aumento que prejudique ainda mais as pessoas nesse momento tão difícil. Esta é uma forma de levar um pouco de alívio para toda a população. Vamos continuar buscando formas de passar por esta pandemia e vencer o coronavírus.”, afirmou Eduardo da Fonte.

COMMENTS