conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

MENU

Articulação

Ministro Sílvio Costa Filho debate com representantes da embaixada da França medidas sustentáveis para o setor aéreo e hidroviário

Ministro Sílvio Costa Filho debate com representantes da embaixada da França medidas sustentáveis para o setor aéreo e hidroviário

Trabalhar em projetos para expandir a infraestrutura aeroportuária e hidroviária do país aliado a uma política de sustentabilidade tem sido um dos pilares do Governo do presidente Lula. Atento à necessidade de ampliar a economia com ações para descarbonização da indústria, o ministro de Portos e Aeroportos (MPor), Silvio Costa Filho, debateu, na manhã desta quarta-feira (25), com representantes da embaixada da França no Brasil e de setores privados, propostas sobre desenvolvimento de políticas públicas de hidrogênio verde em portos e aeroportos brasileiros.

Durante o encontro, o ministro Silvio Costa Filho destacou que o MPor tem trabalhado em ações estratégicas para aumentar a utilização de energia sustentável nos modais brasileiros, com foco na preservação dos recursos naturais. “No setor portuário, por exemplo, nós temos pensado como é possível convergir para trazer mais navios verdes, na governança de nossos portos, com o olhar ambiental. Estamos sempre buscando construir convergências na direção do desenvolvimento sustentável do Brasil“, mencionou o ministro em conversa com Valéria Ruiz-Domingo, vice-presidente do grupo de hidrogênio e membro do comitê diretor da força-tarefa de Hidrogênio- ENGIE.

Nesta área, a Secretaria Nacional de Portos e Transportes Aquaviários tem participado, junto com a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), de grupos de trabalhos específicos para integrar o investimento nos modais de transporte aos processos de neoindustrialização e de transição ecológica. Um desses projetos é voltado na descabornização da indústria brasileira, focado também na exportação de produtos verdes. Outro tema bastante discutido com os órgãos de governo se refere ao trabalho estratégico para produção e exportação de hidrogênio verde.

A gente tem trabalhado em um plano de hidrogênio de baixo carbono e estamos aguardando a regulamentação do Ministério de Minas e Energia (MME) para atuar em ações específicas do setor portuário. A gente tem que trazer essa tecnologias para o Brasil e aproveitar o Fundo da Marinha Mercantil (FMM) para fomentar e produzir embarcações no sentido de atender à indústria“, enfatizou a secretária Nacional de Portos e Transportes Aquaviários, Mariana Pescatori.

Na aviação, o Ministério de Portos e Aeroportos trabalha em projetos para estimular o combustível sustentável de aviação. No mês passado, o presidente Lula lançou o Programa Nacional de Combustível Sustentável de Aviação (ProBioQAV). O projeto também tem por objetivo incentivar a pesquisa, produção e uso de energia sustentável, além de estipular metas de redução de emissões de gases do efeito estufa (GEE).

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

MUDANÇAS

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (22), mudanças nos comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil. O coronel Ivanildo Cesar Torres de...

Destaque

O município de Serra Talhada foi classificado como uma das 10 cidades mais competitivas do Nordeste, segundo avaliação do Centro de Liderança Pública (CLP),...

FESTA DO MOMO

Já escutamos os sinais do Carnaval! A Prefeitura do Recife anunciou diversos serviços e novidades para o Carnaval 2024. Em coletiva realizada na manhã...

Copyright © 2014 - 2023 Blog Ponto de Vista. Todos os direitos reservados.