conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

MENU

Araripe

Mudança na matriz energética do polo gesseiro é um dos principais temas da Política Industrial da FIEPE no Araripe

Mudança na matriz energética do polo gesseiro é um dos principais temas da Política Industrial da FIEPE no Araripe Socorro Pimentel Raquel Lyra

A Governadora Raquel Lyra anunciou ontem (6), em Araripina, a construção de um terminal de regaseificação para a inserção do Gás Natural como matriz energética nas indústrias, especialmente do polo gesseiro do Araripe. A ação será executada pela Copergás com investimentos na ordem de R$ 6 milhões e previsão de início para o mês de abril e conclusão no primeiro semestre de 2025.

A mudança da matriz energética saindo da lenha para outras matrizes mais limpas, como o Gás Natural, é uma das principais reivindicações dos empresários do setor que, através da atuação da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE) inseriu o tema na sua Política Industrial entregue à Governadora no início do seu mandato, em 2023.

Além do anúncio da construção do terminal de regaseificação, o Governo de Pernambuco também irá conceder isenção total da alíquota de ICMS sobre o produto e estimular o financiamento de novos equipamentos, especialmente os fornos, que atualmente são construídos para a queima da lenha no processo produtivo industrial.

Durante o evento de lançamento, a FIEPE esteve representada por sua diretora regional adjunta no Araripe, a empresária Fernanda Timóteo, que destacou o papel de articulação da Federação neste anúncio que visa trazer mais sustentabilidade e competitividade para o polo gesseiro do Araripe.

Nós, hoje, buscamos lenha numa distância de 700km, portanto o impacto não será somente no custo das empresas, mas será principalmente na questão ambiental. Nós vamos poder, assim, preservar a caatinga e produzir, barateando os custos com muito mais sustentabilidade”, destacou Fernanda.

O presidente do Sindicato das Indústrias de Gesso do Estado de Pernambuco (Sindusgesso), Jefferson Duarte, afirmou ser este um momento histórico para o Polo Gesseiro do Araripe, pois a troca da matriz energética vai proporcionar mais investimentos e desenvolvimento para o setor.

De acordo com estudos divulgados pela Copergás, a região tem a capacidade para consumir cerca de 320 mil metros cúbicos de gás natural por dia e será implantado modelo semelhante ao que já está em funcionamento nas cidades de Petrolina e Garanhuns.

Sistema FIEPE – Mantido pelo setor industrial, atua no desenvolvimento de soluções para trazer ainda mais competitividade ao segmento. Além da FIEPE – que realiza a defesa de interesse do setor produtivo – conta ainda com o SESI, o SENAI e o IEL. Pelo SESI-PE, são oferecidos serviços de saúde e educação básica para os industriários, familiares e comunidade geral. O SENAI-PE, além de formação profissional, atua em metrologia e ensaios, consultorias e inovação. O IEL-PE foca na carreira profissional dos trabalhadores, desde a seleção de estagiários e profissionais, até a capacitação deles realizada pela sua Escola de Negócios.

Wellington Ribeiro

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

OPORTUNIDADE

O prefeito Mano Medeiros anunciou hoje (26), um concurso público para diversos cargos públicos no Jaboatão dos Guararapes, oferecendo um total de 1.582 vagas....

ELEIÇÕES 2024

O Blog Ponto de Vista, em parceria com o Instituto França de Pesquisas (IFP), divulgará neste domingo pesquisa sobre a corrida eleitoral em Caruaru....

Recife

Aumentou o número de opções entre os auxiliares do prefeito João Campos que entraram no radar como alternativas para ser seu companheiro de chapa...

MUDANÇAS

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (22), mudanças nos comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil. O coronel Ivanildo Cesar Torres de...

Copyright © 2014 - 2023 Blog Ponto de Vista. Todos os direitos reservados.