conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

MENU

Recife

Prefeitura do Recife divulga lista dos beneficiários dos habitacionais Encanta Moça 1 e 2

Realizada em parceria com o Governo Federal, a obra será entregue em breve, garantindo moradia digna para 600 famílias do Pina que atualmente moram em condições precárias

Prefeito João Campos Prefeitura do Recife Habitacional Encanta Moça I e II
A Prefeitura do Recife divulgou, nesta terça (15), a lista dos beneficiários dos habitacionais Encanta Moça 1 e 2, no bairro do Pina. Realizada em parceria com o Governo Federal, a obra será entregue em breve e garantirá moradia digna para 600 famílias que atualmente moram em condições precárias nas proximidades dos conjuntos. Além disso, a gestão municipal também publicou o edital de licitação para as obras da primeira etapa da urbanização das margens do Rio Pina, que vão transformar a vida de 12 mil moradores de seis comunidades carentes da área.

A lista ficará disponível para consulta em diversos pontos da comunidade, como escolas e igrejas. “Em 2013, o ex-governador Eduardo Campos fez a desapropriação do terreno onde funcionava o Aeroclube e doou para a Prefeitura do Recife, que depois assinou contrato com a Caixa Econômica Federal para viabilizar a construção das 600 unidades. Agora elas estão prontas e a gente vai poder entregá-las às famílias que estavam morando em palafitas. Todas foram cadastradas pela Prefeitura, com trabalho técnico-social, de vistoria, análise e cadastro. Essas informações foram repassadas para a Caixa, que validou a lista”,  afirma o prefeito João Campos.

Serão contempladas 384 famílias previamente cadastradas das palafitas do Rio Pina; 91 que hoje ocupam áreas não edificáveis na região beneficiada pelo projeto de urbanização; e 125 famílias afetadas pela construção da Via Mangue. A partir do cadastro feito pelas equipes da Prefeitura, a Caixa Econômica Federal avaliou o perfil das famílias para confirmar que elas se encaixam nos critérios do programa Minha Casa Minha Vida. Nenhuma delas vai precisar pagar pelo direito de ocupar os apartamentos.

Os habitacionais ficam às margens da Via Mangue. Cada um tem 300 unidades divididas em 7 blocos de 40 mais um bloco de 20. Os 600 apartamentos têm área de 44,5m2, com sala, dois quartos, banheiro, cozinha e área de serviço. Os moradores contarão também com parque infantil e área de lazer. A transferência das famílias beneficiadas deverá começar no final de agosto, com apoio da Prefeitura, que também entregará os títulos de propriedade.

Além de contar com localização privilegiada, os habitacionais ficam nas proximidades de outros importantes equipamentos municipais, como o Parque Eduardo Campos, o Compaz do Pina, a Upinha 24h e a Creche-Escola Arthur Lula da Silva. Junto com a urbanização das margens do Rio Pina, o conjunto de investimentos vai mudar completamente a cara da região, garantindo cidadania e qualidade de vida para os moradores.

As mudanças vão ser feitas pela Prefeitura, com direito a transporte das pessoas, dos utensílios domésticos e do mobiliário. Com tudo feito e organizado, poderemos fazer em breve  uma bonita inauguração, com a presença da Caixa, do Governo Federal e de tanta gente que ajudou a viabilizar as 600 unidades”, complementa o prefeito. O trabalho social é feito pela equipe de integração urbanística da Autarquia de Urbanização do Recife (URB), e inclui orientações sobre gestão condominial e adaptação à nova morada.

PARQUE LINEAR Bairro do PinaPARQUE LINEAR – Construído e validado com a participação da comunidade, o projeto de urbanização das margens do Rio Pina inclui a implantação de Parque Linear com 1,8 km de extensão. Na área, hoje ocupada por palafitas e outras habitações precárias, será implantado o Cais do Rio Pina, uma nova orla fluvial com diversos equipamentos públicos e Via Parque nas margens. O projeto engloba a Zona Especial de Interesse Social (ZEIS) Encanta Moça/Pina, que compreende as comunidades de Areinha, Encanta Moça, Bode I e II, Beira Rio/Pina e Jardim Beira Rio.

O edital já publicado no Diário Oficial do Município (DOM) prevê investimentos da ordem de R$ 33 milhões. A área requalificada será de 3,5 hectares, com 1,6 km de ciclovia, 1,8 km de Parque Linear, 2,1 km de pista de Cooper e 960m de Via Parque. No Setor 1, correspondente ao Jardim Beira Rio, serão implantados equipamentos públicos como pista de cooper, praça, ciclovia, parque infantil, áreas para piquenique e contemplação, academia, quiosques e praça de leitura. Já os setores 2 e 3, no entorno do braço morto do Rio Pina, ganharão Via Parque com 960m, travessias elevadas, pavimentação em intertravado, acessibilidade e 2 faixas de rolamento que totalizam 5m de largura.

Ao longo da Via Parque – que irá da Via Mangue até a Rua Elias Gomes, fazendo a ligação com o habitacional Encanta Moça – haverá estacionamento, área para piquenique, campo de areia, quadra de basquete street, prainha e parques infantis. A partir do processo de discussões e debates com a comunidade, foram incorporados novos elementos no projeto, que serão objeto de um outro processo licitatório, cujo Termo de Referência já está em elaboração.

Wellington Ribeiro

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

OPORTUNIDADE

O prefeito Mano Medeiros anunciou hoje (26), um concurso público para diversos cargos públicos no Jaboatão dos Guararapes, oferecendo um total de 1.582 vagas....

ELEIÇÕES 2024

O Blog Ponto de Vista, em parceria com o Instituto França de Pesquisas (IFP), divulgará neste domingo pesquisa sobre a corrida eleitoral em Caruaru....

Recife

Aumentou o número de opções entre os auxiliares do prefeito João Campos que entraram no radar como alternativas para ser seu companheiro de chapa...

MUDANÇAS

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (22), mudanças nos comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil. O coronel Ivanildo Cesar Torres de...

Copyright © 2014 - 2023 Blog Ponto de Vista. Todos os direitos reservados.