Presidente do Iterpe, Henrique Queiroz, articula diálogo com a Casa Civil para potencializar ações executadas pelo órgão

Saiba mais informações clicando no link

João Paulo Costa discute ações para os municípios com secretário da Casa Civil
Neto de Dija e Dr. Paulo Tadeu são recebidos por secretário da Casa Civil
Eduardo Figueiredo receberá homenagem da Polícia Militar

Desde que assumiu a gestão do Instituto de Terras e Reforma Agrária de Pernambuco (Iterpe), no mês de fevereiro, Henrique Queiroz vem trabalhando incansavelmente no sentido de envidar esforços na busca de melhorias para o órgão e, assim, potencializar as ações realizadas em todo o Estado. Para isso, o presidente do Iterpe tem estreitado cada vez mais o diálogo com as esferas municipal, estadual e federal.
Uma das articulações do gestor resultou em reunião com o secretário da Casa Civil de Pernambuco, José Neto, que contou também com a presença  do assessor de monitoramento dos Programas do Iterpe, Cleodon Ricardo; e do deputado estadual Henrique Queiroz Filho. “Tratamos de diversas questões relacionadas ao Iterpe, incluindo financeiras, operacionais e estruturais, com objetivo de alavancar o trabalho que já vem sendo realizado pelo órgão, que resulta necessário sobretudo em atendimento às demandas do Programa Propriedade Legal, voltado à regularização das áreas rurais”, pontuou Queiroz.
O Iterpe vem discutindo as ações do Propriedade Legal junto às prefeituras municipais, com o intuito de ampliar o trabalho de regularização dos imóveis rurais e promover a segurança jurídica às famílias do campo por meio da titulação.
Além desse programa, o Iterpe possui em andamento diversas ações e atividades, a exemplo da Regularização Fundiária no Agreste Setentrional; elaboração e encaminhamento de projetos submetidos ao Ministério de Agricultura Pecuária e Abastecimento – MAPA; Estudos e elaboração de projetos para regularização de Vilas Rurais; participação em diversas Audiências Públicas com vistas à mediação e resolução de conflitos agrários; e realização de tratativas para regularização de áreas com a finalidade de implantação de parques eólicos; dentre outros.

COMMENTS