Renato Antunes questiona mais um atraso para entrega do Geraldão: “Até quando o recifense vai aguardar?”

Renato Antunes questiona mais um atraso para entrega do Geraldão: “Até quando o recifense vai aguardar?”

Vereador lidera bancada de Oposição no Legislativo Municipal

Samuel Salazar propõe divulgação de lista de espera para usuário do SUS que aguarda consulta e procedimentos em saúde
Ricardo Brennand recebe título de cidadão recifense proposto pelo vereador André Régis
Em Brasília, Renato Antunes apresenta para ministra Damares, projeto que visa o acesso à educação de crianças com microcefalia

Após a Prefeitura do Recife informar o novo prazo para conclusão do Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães, o Geraldão, o vereador Renato Antunes (PSC) questionou o executivo municipal sobre os motivos que resultaram em atrasos na obra. De acordo com o parlamentar, faltou transparência e gestão eficiente na para revitalização do equipamento esportivo.

“Fica complicado entender, e creio que até para a própria Prefeitura argumentar tantos atrasos. São seis anos de obras, e de muitas promessas. No final de 2018 anunciaram que entregariam até março, e lá vem mais outro prazo para entrega.

Com um custo estimado em R$45 milhões, a intervenção de revitalização do Geraldão sofreu com os sucessivos adiamentos, deixando na expectativa para que uma das grandes obras da gestão de Geraldo Júlio se tornasse realidade.

Líder da oposição, Renato Antunes destacou que em agosto de 2018 a Câmara aprovou o Projeto de Lei do Executivo 15/2018, que liberou o empréstimo de R$ 4 milhões, justamente para finalizar a obra.

“Chamei atenção quando foi aprovado, que o PLE tinha falhas e não deixava claro qual seria a destinação dos recursos. Infelizmente, o que destaquei naquele momento foi comprovado agora. Não há gestão, não há transparência e o executivo acaba dizendo que tudo é culpa da crise. O equipamento é bom e tem que funcionar. São seis anos de obras paradas. Mas não podemos atropelar os fatos”, comentou Renato.

O vereador avalia que o valor da obra dava para construir um novo ginásio de esportes. Lembrou que em dois anos se construiu a Arena Pernambuco e esta obra se prolonga. Ele disse que espera que não haja mais adiamentos por parte dessa gestão e seja de fato entregue em julho deste ano. “Os adiamentos não são repassados de forma transparente para a população. Já denunciei aqui que verba aprovada para a obra do Geraldão acabou sendo usada em publicidade”, afirmou o parlamentar.

COMMENTS