conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

MENU

ALEPE

Sileno vota contra aumento de imposto aprovado pelo Governo Raquel Lyra

Saiba mais informações clicando no link

Deputado estadual Sileno Guedes

Deputado estadual Sileno Guedes (PSB) – Foto: Wesley D’Almeida

Mantendo-se firme na defesa de um estado com mais justiça fiscal e social, o deputado Sileno Guedes (PSB) votou contra o aumento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Contida no Projeto de Lei 1075/2023, de autoria do Governo Raquel Lyra, a medida eleva de 18% para 20,5% o valor da alíquota do tributo, que passará a ser o terceiro mais alto do Nordeste a partir de 1º de janeiro de 2024, atrás apenas dos índices praticados em Sergipe (22%) e no Piauí (21%). A matéria foi aprovada em dois turnos, na tarde desta terça (26), no plenário da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

Em seu discurso, Sileno ressaltou que o aumento do ICMS será ainda mais perverso para os mais pobres, que sentem com maior intensidade a renda ser corroída por impostos. O parlamentar exemplificou citando o reajuste nos valores do programa Chapéu de Palha, que foi proposto pelo Projeto de Lei 1107/2023, também aprovado hoje na Casa de Joaquim Nabuco.

O aumento do Chapéu de Palha é essencial para os trabalhadores da cana-de-açúcar, da fruticultura irrigada e da pesca artesanal e de subsistência. Relatamos esse projeto em uma das comissões e votaremos a favor aqui hoje. Mas esse tipo de reajuste já foi dado também em outros períodos sem que houvesse aumento de imposto. Só que o atual governo aumenta o Chapéu de Palha e eleva também um imposto universal como o ICMS. É dar com uma mão e tirar com a outra”, criticou.

O parlamentar ainda destacou que, também hoje, a Assembleia Legislativa da Paraíba aprovou um realinhamento de 18% para 20% no ICMS. Embora o Governo Raquel Lyra afirme que não haverá efeitos negativos nos incentivos fiscais concedidos a empreendimentos, o fato de o tributo do estado vizinho ser 0,5% menor que o de Pernambuco deve afetar o custo de vida. “Além da perda de competitividade e atratividade, nossa preocupação é com a ampliação das desigualdades”, avaliou Sileno.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

MUDANÇAS

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (22), mudanças nos comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil. O coronel Ivanildo Cesar Torres de...

Destaque

O município de Serra Talhada foi classificado como uma das 10 cidades mais competitivas do Nordeste, segundo avaliação do Centro de Liderança Pública (CLP),...

MUDANÇA

A governadora Raquel Lyra (PSDB) decidiu por realizar uma mudança no comando do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA). Joaquim Neto, que estava à frente...

Copyright © 2014 - 2023 Blog Ponto de Vista. Todos os direitos reservados.